Para meia do Atlético-MG, Patric improvisado na esquerda ‘dá conta do recado’

Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM

Sem o lateral-esquerdo Douglas Santos, que integra a seleção brasileira e não deve reunir condições ideais para enfrentar o São Paulo, quinta-feira (19), pelo Campeonato Brasileiro, o Atlético-MG deverá ter o lateral-direito Patric improvisado no setor, mesmo com Pedro Botelho como opção imediata. Pelo menos foi assim que o técnico Levir Culpi treinou nos últimos trabalhos na Cidade do Galo. Mas para o meia Giovanni Augusto, não há problema nenhum nesse cenário e destacou a qualidade de ambos.

LEIA MAIS
Atlético-MG: mesmo aparecendo pouco, Rafael Carioca segue como melhor passador do Brasileirão
Convocado por Dunga, zagueiro Jemerson diz que “a ficha ainda não caiu”
Mercado da Bola: Levir Culpi afirma que dirige só o Atlético-MG no Brasil
Levir Culpi dá recado a ‘haters’ de seu trabalho no Atlético-MG
Atlético-MG: Dátolo não ‘joga a toalha’ e ainda acredita, mesmo que remotamente, em título

“Só a altura. O Pedro Botelho é mais alto que o Patric. São dois jogadores de muita qualidade e, independentemente de quem jogar, vai dar conta do recado, tem rodagem. Não vai ter problema nenhum. Independentemente de quem vai jogar, eu acredito nos dois”, elogiou Augusto, que vê Patric também em condições de ocupar a vaga do lado canhoto.

Questionado sobre quem ele acha que vai jogar, o camisa 14 atleticano transferiu a decisão para o treinador. “É muito difícil responder. O Levir, tenho certeza, já tem o time que vai começar jogando. Se o Patric treinou é porque tem condições e o Levir confia. Até semana que vem tem muita coisa pra rolar durante a semana. Aquele que se concentrar e treinar melhor vai ter a oportunidade contra o São Paulo”, finalizou.

Crédito da foto: Bruno Cantini/CAM



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.