Revista lista os 100 melhores estádios do mundo, mas exclui Allianz Parque e arenas da Copa

divulgacao / allianz parque

A revista inglesa “FourFourTwo” listou os 100 melhores estádios de futebol do mundo e deixou de fora algumas arenas que foram utilizadas na última Copa do Mundo, realizada no Brasil, e que custaram milhões aos cofre públicos. Além disso, a publicação ainda destacou o estádio La Bombonera, do Boca Juniors, como o melhor do mundo.

LEIA MAIS:
Allianz Parque é eleito estádio do ano por site inglês
Em votação com especialistas, apenas duas arenas do Brasil ficaram no top 10 mundial

Para os ingleses, o estádio argentino ‘é uma maravilha arquitetônica, uma peregrinação que deve ser feita por todos os adeptos do futebol pelo menos uma vez na vida’. O segundo lugar é da casa do Barcelona, o Camp Nou.

Entre os “templos” brasileiros, apenas o Maracanã, que aparece em sexto e a revista descreve como “Um sinônimo de grandeza, o Maracanã tem todo o direito e credencial para sentir que é o maior estádio do mundo. Nenhum outro campo de futebol pode afirmar ter recebido quase 200.000 espectadores pagantes em um jogo”, e o Mineirão, palco do 7×1, entraram na lista.

Ficaram de fora Arena Corinthians, que recebeu a abertura do Mundial, Mané Garrincha, Arena da Amazônia e Castaleão, além do Allianz Parque, casa do Palmeiras e considerada uma das arenas multiuso mais moderna do mundo.

Na lista de melhores estádios do mundo ainda aparecem estádios como Signal Iduna Park (Borussia Dortmund), Santiago Bernabéu (Real Madrid), Old Trafford (Manchester United), Wembley, Azteca, Giuseppe Meazza e Allianz Arena (Bayern de Munique) .

Foto: Divulgação/Allianz Parque