Entenda a polêmica entre Crefisa e Palmeiras

Palmeiras crefisa
Crédiso de imagem: Divulgação

No início do ano, a chegada da Crefisa como patrocinadora da Palmeiras fez com que os torcedores imaginasse que o clube pudesse voltar a viver uma fase como foi com a Parmalat, na década de 90. Contratações, ações e dinheiro ajudaram a diretoria Alviverde a restruturar a equipe. Leila Pereira, dona da financeira e Faculdade das Américas, já estava sendo cogitada até mesmo para a vaga de Paulo Nobre, após seu mandato.

————————- ★ ————————-

LEIA TAMBÉM
Especial: Relembre os patrocínios que marcaram a história do Palmeiras

————————- ★ ————————-

Mas nesta semana a dona da Crefisa gerou polêmica ao demonstrar irritação com a diretoria do Palmeiras e chegou a ameaçar a parceria com o clube.

Perdeu as notícias e está por fora de tudo o que está acontecendo? Confira aqui!

Presidente da Crefisa se irrita e ameaça romper com o Palmeiras

– Leila Pereira, dona da FAM e da Crefisa, principais patrocinadoras do verdão, se revoltou com o projeto de camisa retrô do clube com a marca “Parmalat” estampada. A presidente das empresas também criticou Paulo Nobre, presidente do Palmeiras, dizendo que o clube fez contratações de “quinta categoria”.

Leila diz que considerou a ideia da camisa uma “falta de lealdade”, ameaçou romper a parceria com o Palmeiras e fechar com o Flamengo caso o projeto da camisa continuasse.

Presidente da Crefisa recua e garante que segue no Palmeiras

– Leila Pereira, concedeu entrevista para a “Rádio Globo” e comentou que vai seguir no Palmeiras normalmente. A mandatária recua sobre a sua declaração e garante, que pretende cumprir o contrato que tem com o alviverde até o fim de 2016.

“Vamos cumprir rigidamente o que foi combinado com o Palmeiras, mas se o Paulo Nobre criar algum problema às nossas marcas, tenho de tomar uma atitude. Em hipótese nenhuma quero prejudicar o Palmeiras, mas se tomar uma atitude como essa de novo, sou obrigada a tomar uma providência. O Palmeiras que está nos expulsando com uma atitude dessa”, diz.

Crefisa segue reforma na Academia e cogita prêmio por título ao Palmeiras

Leila cogitou ainda uma bonificação ao Palmeiras em caso de título da Copa do Brasil. O Verdão decide o torneio mata-mata no dia 25 de novembro e 2 de dezembro, podendo garantir uma vaga na próxima Libertadores da América.

“Podemos conversar [sobre o bônus], até iniciei uma conversa com o Paulo [Nobre] há uns quinze dias, mas não concluímos. Isso [a premiação] está em aberto. Fazemos o possível e o impossível para tornar o Palmeiras novamente campeão, é um compromisso que tenho com a torcida. Então pode ser sim. Acredito que o Palmeiras está extremamente focado em levar a Copa do Brasil. Aí para o ano que vem podemos sentar e conversar, estou sempre à disposição para ajudar o Palmeiras”, finalizou.

OPINIÃO:

Crefisa tem razão, mas não tinha o direito de desrespeitar o Palmeiras

Foto: Divulgação