Cech sem capacete após nove anos? Goleiro quer, mas médicos vetam

Getty Images - PETR CECH - LIVERPOOL

Goleiro do Arsenal e da República Tcheca, Cech quer aposentar o capacete que já virou praticamente uma extensão do seu corpo. Mesmo usando a proteção por nove anos, o arqueiro teve seu pedido vetado pelos médicos.

LEIA MAIS
Uruguai x Chile: Torcida esgota ingressos para ver reencontro de Cavani e Jara após “dedada”
3 tipos de falhas de David Luiz que o Brasil não terá contra o Peru

Após nove anos usando o capacete que virou uma espécie de “marca registrada”, Peter Cech quer se livrar do que chama de incômodo. Segundo o goleiro do Arsenal e da República Tcheca, a proteção na cabeça incomoda bastante e atrapalha sua audição em campo.

Mesmo com o longo tempo de uso e os argumentos do goleirão, os médicos vetaram a aposentadoria do capacete. Até o momento, nenhum argumento é superior do que a segurança e saúde de Cech, que os médicos colocam em primeiro lugar.

“Eu ficaria mais confiante se pudesse tirar. Goste ou não, a proteção afeta minha audição”, comentou o goleiro do Arsenal. “Eu tenho meus ouvidos cobertos e isso me atrapalha”, reclamou.

LESÃO

Após ter levado uma joelhada em 2006, durante uma partida do Chelsea, seu clube na época, o goleiro foi submetido a uma cirurgia no crânio por conta de uma fratura. De lá pra cá Cech passou a usar esse capacete que hoje tanto lhe incomoda.

Foto: Getty Images