Campanha “Novembro Azul” é destaque entre atletas do futsal de Orlândia

Na semifinal da Liga Nacional de Futsal a equipe da ADC Intelli, de Orlândia (SP), entrou em quadra nessa Segunda-Feira (16) com uma faixa em prol da campanha “Novembro Azul” de prevenção ao câncer de próstata, além de alguns atletas deixarem o famoso bigode que também é símbolo da campanha. Um gesto bonito e que mostra como os atletas podem usar a mídia em favor da saúde.

banner

Dentro de quadra um clássico na modalidade esportiva: Intelli e Corinthians empataram em 3 a 3 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação o que garantiu ao time de Orlândia a vaga na final da competição. A partida aconteceu em Uberaba (MG) e teve transmissão ao vivo pelo canal SporTv.

Após o jogo, o técnico Cidão comentou em entrevista ao Globo Esporte um motivo especial em valorizar esse tipo de campanha para os atletas e usar da divulgação de uma semifinal para também trazer à público a importância da prevenção já que o seu pai, Líbero da Silva, faleceu em 2014 por ignorar as orientações médicas.

“A morte do meu pai foi algo muito triste porque ele viveu um tempo em que o exame era cercado de preconceitos. Ele sentia dores e não falava, justamente por causa de preconceito. Quando fomos ver, era tarde demais”, comentou Cidão ao G.E.

Gadeia

Foi por ter uma caso na sua família que Cidão também passou a ver a prevenção de outra forma e hoje faz questão de passar isso para os demais.

“Eu também tinha esse preconceito. Precisei perder meu pai para fazer minhas consultas. É uma questão de saúde, que não tem nada a ver com sexualidade, gênero, preconceitos”, finalizou o técnico.

Foto: Márcio Damião/ ADC Intelli