Vettel destaca volta “inacreditável” para conquista da pole em Cingapura

Sebastian Vettel classificou como “inacreditável” a pole position conquistada na manhã deste sábado (19) para o Grande Prêmio de Cingapura de Fórmula 1. O alemão foi o melhor na disputa pela posição de honra no grid ao marcar 1min43s885 na parte decisiva da tomada de tempos, quebrando um jejum dele, que durava desde o GP do Brasil de 2013, e da Ferrari, que não tinha um piloto na primeira posição desde o GP da Alemanha de 2012.

LEIA MAIS:
Vettel acaba com hegemonia da Mercedes e garante a pole em Cingapura

“Essa foi uma pole de verdade. É inacreditável! Sei que é só sábado e o trabalho principal vem amanhã, mas adorei saber que fiz o primeiro tempo. Sabia que estávamos bem desde o primeiro treino de hoje, para ser sincero. E o carro estava fantástico de guiar, só melhorou na classificação”, comentou Vettel, ao final da tomada de tempos desta manhã.

“Fizemos o máximo hoje. Estou surpreso pela margem, mas acho que tudo deu certo – tive uma volta quase perfeita no fim. Estou muito feliz com minhas voltas hoje, em especial com a última”, seguiu o tetracampeão, que já tinha a pole garantida quando marcou sua volta final.

Vettel ainda destacou que o circuito cingapuriano é longo e complicado, o que aumenta a possibilidade de um erro. O alemão disse ainda que, apesar da pole position, espera que Mercedes e, principalmente, Red Bull estejam fortes para a corrida deste domingo.

“Temos uma volta muito grande aqui e é muito fácil errar em alguma curva. Mas deu tudo certo no final e fico feliz, porque achei que era uma boa volta e era mesmo. Isso nos coloca em uma boa posição para amanhã, mas é só sábado. Tenho certeza que as Mercedes virão bem amanhã e as Red Bulls também. Vai ser difícil”, encerra.

O Grande Prêmio de Cingapura de Fórmula 1 acontece neste domingo, a partir das 9h.

Foto: divulgação/Ferrari



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.