Veja o que Rogério, do São Paulo, disse sobre ser chamado de ‘Neymar do Nordeste’

Rubens Chiri/saopaulofc.net

O atacante Rogério, do São Paulo, mal chegou e caiu nas graças do torcedor são-paulino, que vê um potencial muito grande no jogador, autor de dois gols em menos de um mês no clube (nas vitórias por 2 a 0 sobre o Internacional e 2 a 1 contra o Grêmio). Conhecido como “Neymar do Nordeste”, ele comentou sobre esse apelido e admitiu que não gosta dessa comparação.

LEIA MAIS
Wesley reconhece que crise política no São Paulo pode respingar no time
Saiba quem é a promessa santista que foi comparada a Raí e recebeu elogios de Ceni
Após tropeço do São Paulo, Osorio critica Luis Fabiano: “Faltou mobilidade dele”
Rodrigo Caio minimiza vaias da torcida do São Paulo após empate sem gols

“Todo mundo fica me chamando de Neymar do Nordeste, às vezes por conta do cabelo, às vezes porque eu sou habilidoso, mas o problema é me chamar de Neymar do Nordeste. Eu não gosto”, opinou à TV Record o jovem de 24 anos, de passagens recentes por Náutico, Botafogo e Vitória, e que prefere uma identidade única na carreira.

Na mesma entrevista, Rogério também disse estar vivendo um sonho ao atuar ao lado do ídolo xará Ceni. “Quando ele começou a jogar (em 1990), eu estava nascendo. Sempre fui são-paulino, desde pequeno, e hoje tenho realizado meu sonho, que é jogar num clube grande como o São Paulo e com o meu xará”, destacou o atleta.

Crédito da foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.