Santos não vencia por 4 gols de diferença no Brasileiro em casa há cinco anos

O Santos goleou o Atlético-MG na noite da última quarta-feira: 4 a 0. Isso todos que acompanham o Campeonato Brasileiro já sabem, assim como o fato de que o futebol mostrando pelo time encantou – novamente, jogando em casa, enquanto viha de um tropeço fora. O que poucos podem ter percebido é que o placar, mesmo falando do time que vem goleando constantemente em Paulistas, é raro no Brasileiro.

A última vez que o Santos havia goleado por quatro gols de diferença no principal torneio do país foi há dois anos: 5 a 1 no Náutico, no dia 19 de outubro daquele ano. Em 2014 o time não conseguiu uma goleada com essa diferença sequer.

Já o “tabu” na Vila Belmiro, palco da goleada sobre o Galo, era maior e mais impressionante: o Santos não goleava um adversário por quatro ou mais gols de diferença desde o começo da “Era Neymar”.

No dia 6 de junho de 2010, quando a geração do atacante camisa 11 ainda nem campeã da Copa do Brasil era, o time goleou o Vasco na Vila também por 4 a 0. Ou seja, há mais de cinco anos esse placar não acontecia no Brasileiro.

Naquele dia, André marcou duas vezes, enquanto Maranhão e Madson marcaram uma. Neymar não jogou, e nenhum jogaodr que entrou em campo segue no elenco: Rafael, Pará, Edu Dracena, Durval, Léo, Marquinhos, Zezinho, Rodriguinho, Maranhão, Wesley, Paulo Henrique Ganso, Madson, Breitner e André.

Ou seja, torcedor santista: quem foi ao campo na noite de quarta-feira viu algo raro. Sorte destes.

Foto: Ricardo Saibun/Santos FC



Jornalista esportivo.