Refugiados sírios visitam o Real Madrid

O Real Madrid recebeu nesta sexta-feira (18) uma família de refugiados sírios na sede do clube. Osama Abdul Mohsen e seu filho Zaid foram agredidos pela jornalista húngara Petra Laszlo, e não entraram na Hungria no início de setembro.

Mohsen, e seus filhos Zaid e Mohhamad al Ghadabe visitaram o CT do Real Madrid, a sala de troféus e também assistiram ao treino do time merengue. Eles estarão presentes na partida diante do Granada, no Santiago Bernabéu, neste sábado (19).

Miguel Ángel Galán, presidente do Centro Nacional de Formação de Treinadores do País (Cenafe) ofereceu ao Pai um curso de técnico na Espanha, já que ele era treinador do Al-Fotuwa. O Real doou 1 milhão de reais  de auxílio para os sírios que chegarem a Espanha.

Crédito da foto: Reprodução



Admirador do esporte, principalmente, do Futebol. Do Brasileiro, acompanho séries A, B e C.