Na abertura da Copa do Mundo de Rugby 2015, Inglaterra vence Fiji

Foto: Site Oficial da Copa do Mundo de Rugby

Inglaterra e Fiji se enfrentaram no Estádio de Twickenham, Londres, nesta última sexta-feira (18), em partida que abriu a Copa do Mundo de Rugby 2015. Os anfitriões ingleses venceram o nervosismo e garantiram a vitória por 35 a 11 contra a seleção de Fiji. O destaque foi para o fullback Mike Brown, que anotou dois tries.

LEIA MAIS:

Copa do Mundo de Rugby 2015: Conheça as regras do esporte

Copa do Mundo de Rugby 2015: Conheça as posições do jogo

Copa do Mundo de Rugby 2015: grupo A, o “Grupo da Morte”

Em um clima de total festa, Inglaterra e Fiji se enfrentaram no templo do rugby, o estádio de Twickenham. Com cerca de 82 mil espectadores, a festa começou antes mesmo da abertura oficial, com a torcida cantando típicas musicas inglesas. Na cerimônia de abertura, foram resgatadas a origem do esporte, que se deu na cidade de Rugby, e a evolução do esporte até hoje.

Com a bola rolando, logo aos 3 minutos, a Inglaterra pontuou com o abertura George Ford, que acertou um chute entre os postes. Dez minutos depois, a festa para os ingleses foi feita com um penal-try. Na linha do in-goal, após ter formado o maul, a Inglaterra empurrou Fiji até que os fijianos derrubaram a formação volante. Cinco pontos para os ingleses, e oito de vantagem no placar. Além disso, um cartão amarelo foi dado para Matawalu, deixando Fiji com um a menos durante dez minutos.

Após a vantagem tanto no placar quanto em campo, a Inglaterra marcou mais uma vez, e foi aí que começou o show de Mike Brown. O fullback marcou um try furando a defesa fijiana, aumentando a vantagem. 15 a 0. Fiji ainda conseguiu marcar um try, que foi anulado com a revisão da jogada.

A reação dos atletas do Pacífico veio com a estrela Nadolo, que após um belo passe de Volavola, subiu e venceu a marcação de Watson para marcar o try, que não foi convertido. Após vários chutes de penalidade, a primeira etapa havia terminado em 18 a 8 para os ingleses, com uma iminente reação fijiana.

Nervosa, a Inglaterra voltou para a segunda etapa, e mexeu várias vezes logo no começo do tempo final. Com uma penalidade convertida, Fiji ficou a apenas um try dos ingleses, mas foi aí que Mike Brown e os reservas brilharam. Mais dois tries, um de Brown e outro de Vunipola foram suficientes para selar a vitória, e o ponto de bônus, por terem feito 4 tries. Já Fiji mostrou que pode bater de frente com os gigantes do grupo, e quem sabe, garantir até uma terceira colocação.

Veja abaixo os melhores momentos do jogo:

Foto: Site Oficial da Copa do Mundo de Rugby



Estudante de Jornalismo na UFPE, fã de esportes, apaixonado por futebol mas também rugby e futebol americano.