L. Lima cita ansiedade por convocação e pede para Dunga ver melhores momentos

Ivan Stori / Santos FC

O meio-campista Lucas Lima, protagonista da vitória por 4 a 0 do Santos diante do Atlético-MG, nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro, não escondeu a ansiedade pela possível nova convocação para a seleção brasileira, que anuncia nesta quinta os 23 jogadores que participarão dos dois primeiros jogos das Eliminatórias para a Copa do Mundo da Rússia, em 2018.

O camisa 20 santista fugiu de lobby pessoal para o chamado, mas disse torcer para que o técnico Dunga acompanhe o seu desempenho pelos “melhores momentos” do jogo contra os mineiros.

“Tenho deixado a emoção de lado, mas não tem como não ficar nervoso e ansioso, agora. Espero muito a oportunidade de ser convocado”, explicou o jogador, que ainda emendou: “tomara que ele veja os melhores momentos e os gols. A nossa equipe está de parabéns pela partida que fez”.

Lucas Lima deu duas assistências diretas para gols e participou ativamente das principais jogadas do Santos na partida.

Dunga, por sua vez, esteve no Maracanã ao lado de Gilmar Rinaldi, coordenador de seleções da CBF, para acompanhar a vitória por 4 a 1 do Palmeiras sobre o Fluminense, com destaque para os três gols marcados pelo centroavante paraguaio Lucas Barrios.

Recentemente, o jogador foi convocado pela primeira vez para a seleção, onde atuou como titular nas vitórias contra Costa Rica e Estados Unidos.

Oliveira tem esperança

Além de Lucas Lima, o experiente centroavante Ricardo Oliveira, que chegou ao seu 17º gol no Brasileiro, se isolando ainda mais na artilharia da competição, também acredita em uma possível convocação.

“Se vier tem que ser por mérito. Eu me encontro preparado para corresponder a altura esse chamado”, disse o jogador.

Crédito da foto: Ivan Stori / Santos FC



Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo. Comecei no Terra Esportes, em 2008, para onde voltei em 2011 e fiquei até 2015. Passei também por FPF, Diário LANCE! e o jornal A Tribuna, de Santos, com colaborações para a Revista Placar.