F1 Cingapura: Vettel diz que segue lutando enquanto tiver chances

SebastianVettelCin15Sebastian Vettel tenta sua terceira vitória neste ano neste domingo (20) quando teremos o GP de Cingapura, prova presente no calendário da F1 desde 2008.

O alemão Sebastian Vettel (Ferrari) aposta no seu bom retrospecto na pista de Marina Bay, em Cingapura para obter uma boa colocação na prova que acontece domingo, às 9h (de Brasília) com transmissão ao vivo da TV Globo. A prova terá 61 voltas e é a única do calendário a ser totalmente disputada no horário noturno.

O tetracampeão mundial saiu vitorioso nesta pista nos anos de 2011, 12 e 13, anos em que conquistou seu segundo, terceiro e quarto títulos mundiais defendendo a Red Bull. No ano passado, ele foi segundo colocado, ficando atrás apenas do vencedor, Lewis Hamilton (Mercedes). O pódio foi completado com a presença de seu então companheiro de equipe na RBR, Daniel Ricciardo.

“É difícil prever o que vai acontecer. Nos últimos anos, tenho ido muito bem em Cingapura, eu gosto da pista, acho que é um dos mais difíceis que temos durante a temporada. É um circuito único em muitos sentidos”, falou o detentor de 41 vitórias e dos principais recordes de precocidade da categoria (pole, vitória, vice, campeão, bi, tri e tetracampeão mundial).

Sobre a situação dele no campeonato, onde ocupa a terceira colocação com 178 pontos, com 74 de desvantagem para o líder da temporada, Lewis Hamilton, ele garante que vai seguir atacando enquanto tiver possibilidade de brigar pela taça de campeão deste ano de 2015, que marcou sua estreia na Ferrari e obteve duas vitórias, em Sepang, na Malásia e em Budapeste, na Hungria.

“Enquanto houver possibilidades, temos que tentar fazer todo o possível. Até agora temos sido rápidos o suficiente para estar entre os cinco primeiros, mas nosso objetivo é sempre estar no pódio. A Mercedes é a equipe mais forte do momento e, se nada de ruim acontecer a eles, não haverá espaço no pódio, mas temos confiança em apertar ao máximo”, concluiu.