Corinthians recorre a FPF para manter salários em dia

Corinthians recorre a FPF para manter salários em dia
Crédito da foto: Reprodução / Twitter

O Corinthians, apesar de líder do Campeonato Brasileiro, vem enfrentando muitas dificuldades em 2015. A principal delas é a financeira. Para o próximo mês, uma antecipação da cota de TV foi solicitado à Federação Paulista de Futebol (FPF).

LEIA MAIS: 
Brasileirão: Veja as chances do Corinthians ser campeão
Brasileirão: Saiba quanto seu clube ganha de dinheiro da TV Globo

Com diversos meses de direitos de imagem em atraso, como é o caso por exemplo do meia Ralf que não recebe ha mais de 8 meses, o Corinthians também vem enfrentando dificuldades para pagar os salários em CLT. Prevendo um problema de fluxo de caixa para os pagamentos do próximo mês, a diretoria corintiana teria recorrido a FPF para antecipar seus direitos por transmissão de TV do Campeonato Paulista de 2016. A Federação, por sua vez, já recebeu a quantia correspondente por parte da emissora que detém os direitos.

Segundo informado pela rádio Bradesco Esportes, o clube só conseguiu por seus compromissos em ordem este mês graças a uma receita extra recebida pela venda do meia Éverton Ribeiro. Por ser quem revelou o atleta, o Timão recebeu um percentual que chegou a importância de R$ 850 mil. E não foi fácil. Para conseguir fazer com que o clube dos Emirados Árabes honrasse seu compromisso, o Corinthians teve que recorrer à Fifa.

Apesar de ser uma demonstração clara de problemas financeiros, tal prática é mais comum do que deveria ou parece ser, tanto que, o jornalista Jorge Nicola informou esses dias que o São Paulo também já procurou a Federação Paulista para fazer o mesmo pedido.