Cinco motivos que explicam a derrota do Flamengo para o Coritiba

Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo

Henrique Almeida e Kléber Gladiador marcaram os gols do Coritiba que encerraram uma sequência vitoriosa do Flamengo no Brasileirão, nesta quinta (17), em Brasília, pela 26ª rodada.

LEIA MAIS:
Torcedor do Flamengo invade campo e clube pode ser punido
Coritiba surpreende Flamengo e vence por 2 a 0
Roger Flores critica a torcida do Flamengo em Brasília: “Participou pouco”

Veja alguns fatores que determinaram a vitória paranaense por 2 a 0:

Kayke isolado – Referência do Flamengo nos últimos jogos, o atacante não conseguiu jogar. Ele decidiu sair da área para buscar o jogo mas a tentativa não se converteu em chances de gol para o Flamengo.

Falta de atenção dos zagueiros – No segundo gol, César Martins errou o passe que originou o contra ataque do Coritiba e logo na sequência Samir deu condição para Henrique Almeida finalizar com precisão.

Problemas na criação – O resultado do Coritiba foi construído no primeiro tempo e o time deu um baile tático no Flamengo, que demonstrou desorganização e muita dificuldade na armação de jogadas para reverter o placar, com erros de passe e finalização.

Jorge apagado – O técnico Ney Franco detectou que o lateral esquerdo é uma das válvulas de escape do Flamengo e colocou Negueba para atrapalhar a vida dele, testando o potencial defensivo e forçando o jogador ao erro.

Excesso de cruzamentos – A bola alçada na área foi uma tentativa encontrada pelo time do Flamengo, mas já que Kayke não jogou enfiado como o titular Guerrero, não houve lances de perigo.

Com esta derrota, Flamengo estacionou nos 41 pontos e deixou a zona de classificação para a Libertadores. Corinthians, Atlético-MG, Grêmio e São Paulo formam o G4 neste momento.

Já o Coritiba conseguiu sair da zona de rebaixamento, que agora tem o Vasco na lanterna, seguido por Joinville, Figueirense e Goiás. O alviverde paranaense chegou aos 30 pontos e ocupa o 15º lugar.

Na próxima rodada, Flamengo enfrenta o vice-líder Atlético-MG fora de casa, no Estádio Independência, enquanto Coritiba recebe o Atlético-PR no Couto Pereira. Ambas as partidas serão no domingo (20).

(Foto: Gilvan de Souza/Flamengo)