Valdivia no São Paulo? Relembre jogadores que “pularam o muro”

SAO PAULO, BRAZIL - DECEMBER 07: Valdivia of Palmeiras looks on during the match between Palmeiras and Atletico PR for the Brazilian Series A 2014 at Allianz Parque on December 7, 2014 in Sao Paulo, Brazil. (Photo by Friedemann Vogel/Getty Images)

Sabe-se que muitos jogadores já “pularam o muro” da Barra Funda. Essa expressão é usada para caracterizar quem atuou por Palmeiras e São Paulo. Recentemente, Wesley, Alan Kardec e Lúcio pularam esse muro. Agora, com o boato de Valdivia ir para o tricolor, vamos relembrar jogadores que fizeram essa troca. Uns deram muito certo, já outros…

Jogadores que deram certo:

– Antônio Carlos Zago: Começou a carreira no tricolor. Em 1992, foi para o Albacete e retornou ao Brasil, no ano seguinte, para atuar no Palmeiras. Foi bicampeão paulista e brasileiro e tornou-se ídolo do Verdão.

– Cafu: Começou no São Paulo e jogou pelo Palmeiras na década de 90. Passou bem pelos dois clubes, sendo campeão mundial no tricolor e feito parte do time dos 100 gols do Palmeiras, em 1996.

– Denilson: Outro jogador dos anos 90 que começou no São Paulo. Deixou o clube com muito prestígio, para jogar na Europa. Chegou no Palmeiras em 2008, onde conquistou o Paulistão de 2008 e virou ídolo. Já os torcedores do São Paulo não gostaram da ida ao Verdão.

– Müller: Conseguiu ser ídolo no Tricolor e querido no Verdão. Ganhou o Mundial pelo São Paulo e o Paulistão de 1996 pelo Palmeiras.

– Luizão: No começo de carreira, participou do ataque dos 100 gols de 1996 pelo Palmeiras. No São Paulo, foi campeão da Libertadores em 2005.

– Júnior: Foi um dos que tiveram maior sucesso nos dois clubes e se tornou ídolo de ambos. Ganhou a Copa do Brasil, Mercosul, Libertadores e Rio-SP pelo Palmeiras. No tricolor, foi tricampeão brasileiro e faturou o Paulistão, Libertadores e Mundial de 2005.

Jogadores que NÃO deram certo:

– César Sampaio: Foi campeão da Libertadores, bi do Paulistão e Brasileiro pelo Palmeiras, nos anos 90. Chegou ao São Paulo, no fim de carreira, em 2004, e não teve sucesso.

– Evair: Ídolo do Palmeiras e multi campeão pelo Verdão. Evair dispensa comentários atuando pelo Alviverde, mas teve passagem apagada pelo tricolor em 2000.

– Rivaldo: Também é ídolo do Palmeiras e jogou no São Paulo em fim de carreira, sem deixar saudades.

Esse post relembrou apenas alguns dos jogadores que fizeram essa troca. Muitos outros ainda farão e veremos se darão certo ou não.

Crédito da foto: Getty Images



Paulistano, estudante de jornalismo, 19. Foi estagiário do Torcedores.com.