Primeiro dia de jogos da pré-temporada da NFL agitou a quinta-feira; confira

Crédito da foto: AP/Charles Krupa.

A pré-temporada, além das análises das contratações, dos novatos e do comportamento do time, serve também para o torcedor matar a saudade, não só do seu time, mas de ver a bola-oval voando pelas várias jardas do campo. Na noite de ontem, seis jogos, válidos pela primeira semana do pre-season da NFL, foram realizados e mostraram o que algumas equipes guardam para a próxima temporada.

Liderados por Joe Flacco e o reserva Matt Schaub, os Ravens bateram o New Orleans Saints em Baltimore, pelo placar de 30 a 27. Os corvos começaram o jogo com tudo, e aproveitando que o QB dos Saints, Drew Brees, não jogou, abriu 14 a 0 no primeiro quarto. No segundo quarto, os Saints, liderados pelo Quarterback Garrett Grayson, revidaram e conseguiram terminar o primeiro tempo perdendo por 20 a 14. No segundo tempo, o time de New Orleans conseguiu virar a partida para 27 a 23, mas nos últimos segundos, o QB reserva Bryn Renner correu para o TD da vitória dos Ravens.

Em Detroit, os Lions aplicaram um verdadeiro massacre em cima do New York Jets. Os Leões foram superiores durante toda a partida, demonstrando isso em pontos com as boas atuações de Matthew Stafford, Golden Tate e do novato Running Back Ameer Abdullah. No terceiro quarto, o placar já era 20 a 3, e um field goal sacramentou o resultado partida.

Em Foxborough, abrindo o pre-season, os Patriots, atuais campeões do Super Bowl, perderam para o Green Bay Packers. Com uma atuação pequena de Tom Brady e uma nem tanto feliz de seu reserva, Jimmy Garoppolo, e com uma defesa um tanto quanto atrapalhada, os Pats levaram 22 pontos dos Cabeças de Queijo, e só fizeram 11. Novamente Aaron Rodgers e Eddie Lacy, que foram substituídos constantemente no jogo, comandaram a vitória do Green Bay, que só foi ameaçada no segundo quarto, mas retomada no segundo tempo.

LEIA MAIS:
Confira as datas e horários dos próximos jogos da pré-temporada da NFL

Em Chicago, os Bears fizeram valer o fator casa e superaram o Miami Dolphins por 27 a 10. Os Golfinhos foram muito bem no primeiro tempo, e estavam a frente no placar até o intervalo, vencendo por 10 a 3. Porém, na volta, a reação do Chicago foi avassaladora. Logo no terceiro quarto a equipe dos Ursos viraram para 17 a 10, e no último quarto continuaram dominando e finalizaram a vitória por 27 a 10.

Fora de casa, o Washington Redskins conseguiu bater, em uma disputada partida, o Cleveland Browns por 20 a 17. A boa estreia de de Josh McCown, com passe para TD, e a boa atuação (pasmem) de Johnny Manziel, não foram suficientes para os Browns vencerem em casa, mesmo com o time indo para o intervalo na frente do placar, com 14 a 13. O comando de ataque dos Redskins foi feito por Kirk Cousins – Robert Griffin III atuou em apenas duas posses de bola dos Peles Vermelhas.

Por fim, o Dallas Cowboys, com o time quase totalmente reserva, perdeu em San Diego para os Chargers. Em casa, os Chargers procuraram estar a frente do placar durante toda a partida. O destaque do jogo vai para Danny Woodhead, que sofreu uma grave lesão em setembro do ano passado, e ontem voltou já marcando um Touchdown após uma corrida de 8 jardas.

Hoje teremos os jogos do segundo dia da 1ª semana da pré-temporada. O destaque vai para a partida entre Seattle Seahawks e Denver Broncos, no CenturyLink Field, estádio dos Hawks. Bons duelos também poderão ocorrer nas partidas entre Panthers e Bills, Titans e Falcons e Steelers contra os Jaguars. A primeira semana de jogos pré-temporada se encerra no domingo.

Crédito da foto: AP/Charles Krupa.



Estudante de Jornalismo na Universidade São Judas Tadeu. Amante do futebol, apaixonado por futebol americano e interessado pela antropologia esportiva.