Insatisfeitos no São Paulo? Ganso e Luis Fabiano lamentam transações frustradas

Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

O técnico Juan Carlos Osorio assumiu o comando do São Paulo em maio. Desde então, o time tricolor já perdeu titulares como Denilson e Souza, além de promessas como o jovem Boschilia. O elenco deve passar por uma reformulação em 2016 e nomes como Luis Fabiano, Ganso e Alexandre Pato já manifestaram interesse em deixar o clube.

LEIA MAIS:
Presidente do Orlando City diz que dívida do São Paulo aumenta R$ 35 mil por dia
Sete clubes que já “enganaram” a torcida do Corinthians com interesse em Pato
Luis Fabiano fez do Corinthians sua maior vítima; veja os gols
São Paulo pode perder mais cinco titulares até 2016; veja a lista

Artilheiro do São Paulo no Brasileirão, Alexandre Pato tem o contrato de empréstimo até o final do ano. Ele já declarou publicamente que gostaria de voltar à Europa e o Corinthians já estipulou o preço para vender o atacante: 10 milhões de euros.

Substituto de Pato no clássico contra o Corinthians, Luis Fabiano também soltou o verbo e mostrou que perdeu a paciência com a diretoria. O Cruz Azul, do México, teria feito uma oferta mas o negócio não foi concluído. “Não foi só isso, mas em alguns outros pontos não houve acerto entre os dois clubes. Não teve negócio, infelizmente, não teve negócio”, declarou.

“Não tenho esperança de nada, apenas estou fazendo meu trabalho e cumprindo aquilo que está escrito. Venho sofrendo muito nos últimos meses com o que vem acontecendo. Atrapalha um pouco, apesar de eu amar muito esse clube. Vou seguir bem esse final de contrato e espero que apareça alguma coisa, pois não quero parar”, completou o centroavante após o empate no Morumbi.

Com relação a Ganso, o presidente do Orlando City confirmou a proposta para levá-lo a jogar ao lado de Kaká. “Tive a proposta, mas o presidente não aceitou o valor que ofereceram, então eu sigo aqui no São Paulo. Financeiramente seria bom para mim, mas não sei para o São Paulo. Foi uma porta que se abriu e um futebol que está crescendo cada vez mais. Não houve acerto entre os clubes, infelizmente”, acrescentou o camisa 10.

(Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)