Após estreia, Ederson avalia precisar de mais ritmo de jogo no Flamengo

Gilvan de Souza/Flamengo

Sem Paolo Guerrero, a estreia de Ederson com a camisa do Flamengo se tornou cheia de expectativa. A torcida queria ver o nome 10 em campo e, é claro, que ajudasse logo seu time a conquistar três pontos fundamentais no Campeonato Brasileiro. No fim, todos gostaram do que foi mostrado no Maracanã: o técnico Cristóvão Borges elogiou bastante o meia, assim como a nação rubro-negra que aplaudiu o atleta no momento em que foi substituído na etapa final da vitória por 3 a 2 contra o Atlético-PR.

LEIA TAMBÉM:
Cristóvão vê evolução, mas diz ser cedo para definir Flamengo contra Palmeiras
Sheik comemora “vitória da paz” e crê que Flamengo está mais maduro no Brasileiro
Flamengo 3×2 Atlético-PR: assista aos gols da vitória rubro-negra
Mercado da bola: Flamengo veta saída de meia Almir para o Botafogo

Após a partida, Ederson, que não jogava uma partida desde abril quando ainda defendia a Lazio, afirmou ter se sentido bem fisicamente e o que precisa evoluir mesmo é o ritmo de jogo. Além disso, Ederson agradeceu a confiança de Cristóvão que o escolheu como titular.

“Eu estava muito feliz de sair jogando. Conversei com o professor Cristóvão, que me passou muita confiança, assim como meus companheiros. Agora espero pegar ritmo jogo após jogo, dando sempre o máximo para o time. Como fazia um tempo que eu não jogava, sabia que teria alguma dificuldade quanto ao ritmo de jogo, mas procurei colocar o ritmo alto desde o início para me adaptar o mais rápido possível”, analisou o meia em entrevista.

O Maracanã não esteve cheio na última quarta-feira, mas, para Ederson, que já jogou por grandes palcos do futebol mundial, os gritos dos mais de 20 mil torcedores rubro-negros o fizeram se sentir acolhido e motivado para a estreia pelo clube. “Para mim significa muito. Vejo essa torcida apaixonada pelo time, que torce do início ao fim. É sempre muito gratificante jogar no Maracanã, assim como joguei em outros estádios, como Camp Nou, Santiago Bernabéu. Para o jogador é o máximo jogar em estádios assim. O Maracanã é lindo, como essa torcida maravilhosa então…”

Com a vitória, o Flamengo subiu para a 11ª posição do Brasileirão, com 23 pontos. O próximo compromisso da equipe é neste domingo, às 11h (horário de Brasília), contra o Palmeiras, no Allianz Parque.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Fotos: Gilvan de Souza/Flamengo



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.