Wallace explica entrevista polêmica e diz que time do Flamengo não estava merecendo público de 50 mil

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Na saída de campo, o zagueiro do Flamengo disse que o público de 51 mil era para ver o Guerrero e não o time. Wallace explicou o que quis dizer e pediu desculpas para quem entendeu errado.

LEIA TAMBÉM:
Sheik volta a defender trabalho de Cristóvão no Flamengo
Flamengo volta emprestar Mattheus ao Estoril de Portugal

Após declaração polêmica, na vitória do Flamengo por 1 a 0 contra o Grêmio, Wallace esclareceu, em entrevista à rádio Bradesco, o motivo de ter dito que o Maracanã encheu (pouco mais de 51 mil presentes) por causa do peruano Paolo Guerrero e não pelo time do Flamengo.

– O time não estava jogando a ponto de merecer 50 mil pessoas e meu dever como capitão do time é dizer isso para que saibamos da nossa responsabilidade. É meu dever falar isso publicamente para nos alertarmos que ainda nos falta melhorar. É por isso, por respeito a história e ao tamanho do Flamengo que serei sempre realista, para que não nos afastemos do caminho das vitórias. Se não consegui me expressar claramente e algum flamenguista não entendeu o que eu disse, minhas sinceras desculpas. Tenham certeza que estarei sempre pensando no melhor para nosso time. Obrigado pela presença no sábado, a pressão da torcida foi fundamental para venceremos um jogo tão difícil é importante – disse Wallace.

O Flamengo volta a campo no próximo final de semana, em partida contra o Goiás, no Serra Dourada. Emerson Sheik, suspenso, é desfalque.

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: @allanmadi
.
Foto: Gilvan de Souza/Flamengo