Veja 5 erros que o Palmeiras não pode cometer no clássico

César Greco/Ag. Palmeiras

Logo mais o Palmeiras entra em campo diante do Santos buscando a “revanche” após o Peixe levar a melhor na final do Campeonato Paulista. Na ocasião, o time alverde teve a chance de, talvez, definir a disputa no primeiro jogo quando Dudu desperdiçou um pênalti que daria uma vantagem de dois gols para a partida na Vila Belmiro. Por isso, a ordem do técnico Marcelo Oliveira neste domingo é: ser cirúrgico para ganhar mais três pontos e encostar no G-4 do Brasileirão.

LEIA MAIS:
Confira os 5 jogadores que podem decidir para o Palmeiras no clássico
Veja cinco erros que o Santos não pode cometer no clássico

A seguir, o Torcedores.com aponta cinco erros que o Palmeiras não pode nem pensar em cometer contra o perigoso Santos no clássico imperdível do Allianz Parque. Confira!

1) Desperdiçar chances
Como já se sabe, o Palmeiras teve a faca e o queijo na mão para conquistar o título do Paulistão na primeira partida. Desperdiçou e acabou tomando a virada no jogo de volta, quando o Peixe levou a melhor na decisão por pênaltis. Portanto o quarteto Robinho, Dudu, Rafael Marques e Leandro Pereira está ciente de que aproveitar as oportunidades é meio caminho andado para sair feliz do clássico.

2) Evitar chutões
Mesmo que a armação do time tenha melhorado com a chegada de Marcelo, ainda é nítido que o time vem apostando demais nos lançamentos diretos de Victor Ramos. A melhor opção não é pelo passe direto, mas pela ligação do armador com os homens de frente. Zé Roberto e Cleiton Xavier tiveram alguma dificuldade na ausência de Robinho. Logo mais o camisa 27 volta de lesão muscular e terá de novo a responsabilidade de armar o ataque palmeirense.

3) Sem recuar
Contra o Sport Recife, o Palmeiras levou muita pressão após abrir 2 a 1 no marcador. Muito, é claro, pela qualidade do adversário, mas também por apostar no contra-ataque. Essa é uma característica de Marcelo Oliveira, mas a equipe não pode chamar tanto o adversário para seu campo como aconteceu em Pernambuco e também em outros jogos. Portanto, se abrir vantagem contra o Santos, o foco deve continuar em atacar, e não somente esperar “por uma bola”, pois o sistema defensivo do Verdão ainda apresenta buracos.

4) Marcação não se limita a Ricardo Oliveira
Artilheiro do Santos na temporada, Ricardo Oliveira é um alvo certo para a marcação de Victor Ramos e Leandro Almeida, porém o time de Dorival Júnior tem mais jogadores de qualidade. No ataque, Gabriel e Geuvânio também são perigosos, principalmente o segundo que deu uma canseira na defesa alviverde na final do Paulistão. Além disso, toda atenção é primordial em Lucas Lima, considerado um dos melhores meias do Brasil e responsável por começar as jogadas de gol do lado do Peixe.

5) Sem demora para trocar
Em caso de gol do Santos, Marcelo Oliveira e tampouco o time palmeirense deve se desesperar, principalmente pelas opções no elenco. Se Robinho não estiver bem, Cleiton Xavier e Zé Roberto cumprem bem a função. Quanto a Leandro Pereira, o treinador tem muito mais opções no banco, como o xodó Cristaldo, a jovem promessa Gabriel Jesus, o rápido Kelvin ou mesmo o experiente Lucas Barrios, o novo camisa 10 do Allianz Parque. Portanto Marcelo não pode ficar demorando para mudar, caso precise, pois alternativas ele tem de sobra para ganhar do Santos.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: César Greco/Ag. Palmeiras



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.