“Se o Pato voltar, a gente empresta para o Bragantino”, diz Andrés Sanchez

Dia do Coritnhians

O Corinthians segue em busca de interessados para negociar o atacante Alexandre Pato, que está emprestado ao São Paulo até o final de dezembro. Em entrevista ao colunista Jorge Nicola, do jornal Diário de São Paulo, Andrés Sanchez, superintendente de futebol do alvinegro, disse que caso não surja proposta de 10 milhões de euros até o início do ano que vem, o Timão vai emprestá-lo para o Bragantino, parceiro alvinegro desde março.

LEIA MAIS:
Coritiba x Corinthians: saiba o que está em jogo

“Queremos 10 milhões de euros (R$ 36,8 milhões). Se não der para vender e o Pato voltar, a gente empresta para o Bragantino”, afirmou.

Andrés Sanchez não tem pressa em negociar o atacante. “Temos um monte de sondagem, mas nada no papel. Acho que, se não vender agora,  vende na próxima janela. Ele tem mercado”, completou.

O ex-presidente do Timão não vê problema algum em vender o atacante para o rival São Paulo. “E só o São Paulo pagar R$ 30 milhões. A gente ainda faz um carnês das Casas Bahia, com várias parcelas. Só não dá para emprestá-lo de novo”, disse.

Pato tem contrato com o Corinthians até o final de 2016. Dificilmente, o Timão vai recuperar os R$ 40 milhões investidos nele em janeiro de 2013.

Durante a entrevista, Sanchez também rechaçou a possibilidade de o Corinthians negociar o meia Elias. “Ele vai continuar, tem contrato de três anos. O Corinthians não quer e não precisa vender mais ninguém. Mas no futebol é assim: o jogador que decide se quer ir embora”, explicou.

Foto: Reprodução/Facebook

 



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)