Pan: Brasil tem dificuldades no começo, mas bate o Uruguai no Handebol Masculino

Foi com algum sofrimento na primeira metade do confronto, mas o Brasil venceu o Uruguai por 38 a 18, em partida válida pela segunda rodada do torneio masculino de Handebol dos Jogos Pan-Americanos de Toronto. Esta foi a segunda vitória da equipe comandada por Jordi Ribera no campeonato, fazendo com que a Seleção assumisse a liderança do Grupo A.

LEIA MAIS:
Pan de Toronto: Brasil humilha o Canadá no Handebol Feminino

Com problemas para se defender de arremessos mais baixos e errando alguns ataques, o Brasil viu a equipe uruguaia conseguiu se manter próxima no placar no início da partida. O time brasileiro conseguiu impor seu melhor jogo após os 20 primeiros minutos, fechando o primeiro tempo em 16 a 11.

“Eu acho que a maior dificuldade veio nos últimos dez minutos do primeiro tempo, porque jogamos um pouco precipitados, com arremessos muito fáceis para o goleiro adversário e trabalhamos um pouco menos no ataque. Isso fez com que eles pegassem as bolas e saíssem ao contra-ataque e, assim, reduzissem a desvantagem”, comentou Ribera.

No segundo tempo o time brasileiro conseguiu melhorar a defesa e finalmente deslanchou na partida, conseguindo a vitória. “A partir do meio do segundo tempo, saímos mais ao contra-ataque e isso fez com que ampliássemos a vantagem, que no final foi de 20 gols de diferença. Os jogadores estavam mais concentrados e a defesa mais confiante”, encerrou o treinador.

“Não tem jogo perfeito em esporte nenhum. No primeiro tempo, a gente cometeu algumas falhas, mas no intervalo conversamos e minimizamos. A gente errou um pouco de arremesso no final do primeiro tempo e no começo do segundo”, disse Felipe Borges, ponta da Seleção Brasileira.

Na outra partida do dia pelo Grupo A do torneio, o Canadá venceu por 28 a 25 a República Dominicana, conquistando sua primeira vitória na competição. E o próximo confronto do Brasil será justamente contra os dominicanos, na próxima terça-feira (21), a partir das 14h30.

Foto: Cinara Piccolo



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.