Medalhista do Pan na luta greco-romana lembra tempos de flanelinha

Danilo Borges/ME

Davi Albino surpreendeu nos Jogos Pan-Americanos de Toronto ao conquistar a medalha de bronze na categoria 98kg da luta greco-romana. Aos 29 anos, o atleta pode comemorar a nova vida e lembrar sem saudade dos tempos de flanelinha.

Davi era morador de rua e tomava conta de carros para lucrar o dinheiro que precisava para comer e se manter. Hoje, ele recebe

“Para mim o Bolsa-Atleta foi uma ferramenta fundamental. Quando passei a receber, não tinha nada, e foi quando parei de tomar conta de carro. Porque aí pensava: ‘Já tenho R$ 750 todo mês’. Eu recebia o dinheiro da condução para o centro olímpico e a bolsa. E pensava: ‘Se me esforçar e ganhar uma medalha lá fora, posso passar a ganhar R$ 1.850 de bolsa’. Fui passando de fase em fase”, afirmou Albino ao portal Brasil 2016.

A infância de Davi foi bastante sofrida. Sua mãe perdeu a casa para traficantes da região onde morava e a família passou a viver nas ruas.

Crédito da foto: Reprodução



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.