Especial: relembre as primeiras derrotas de grandes lutadores do UFC

Crédito da foto: Getty Images

Vitórias e derrotas fazem parte do esporte, ainda mais quando a modalidade em questão envolve lutas. No MMA não é diferente. A maioria dos grandes atletas que estão no UFC tem, ao menos, um revés no cartel.

LEIA MAIS:
Tudo o que você precisa saber para o UFC Glasgow

Tirando casos como o campeão dos médios (84kg) Chris Weidman e da campeã do peso galo feminino (61kg), Ronda Rousey, quase nenhum lutador no UFC pode se orgulhar de jamais ter perdido. Nem mesmo o brasileiro José Aldo, campeão linear do peso pena (66kg) e atualmente no primeiro lugar no ranking peso por peso do UFC, escapou da derrota.

Neste especial, o Torcedores.com relembra as primeiras derrotas de grandes atletas do UFC. Além de José Aldo, os brasileiros Anderson Silva, Vitor Belfort, Renan Barão, Junior Cigano, Fabricio Werdum e Rafael dos Anjos também tiveram suas carreiras revistas. Nem outros grandes lutadores do UFC, como Conor McGregor, Demetrius Johnson, Jon Jones, Mirko Cro Cop e Anthony Pettis também já foram derrotados.

Relembre as derrotas dos lutadores do UFC:

A derrota que fez José Aldo dar a volta por cima
Anderson Silva teve atuação irreconhecível em sua primeira derrota
Invicto desde 2011, Werdum teve cinco derrotas na carreira
Renan Barão teve dois “inimigos” em dez anos de carreira
As primeiras derrotas de Vitor Belfort no UFC

Derrotas de Junior “Cigano” no UFC têm mesma causa: Cain Velasquez
Hoje campeão no UFC, Rafael dos Anjos “penou” no seu início dentro do evento
Especialidade da casa, cotovelada também causou único revés de Jon Jones no UFC

Demetrious Johnson: apenas duas derrotas, em categoria que já “desconhece”
Anthony Pettis estreou com derrota no UFC

Conor McGregor tem apenas duas derrotas em seu cartel e está invicto desde 2010
Primeira derrota de Mirko Cro Cop foi para Minotauro em luta histórica

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.