Pedro: o menino prodigío que sempre gostou de fazer gols todas competições

Barcelona
Foto: Divulgação/Site oficial FC Barcelona

Pedro, ou Pedrito como é chamado por amigos do grupo Barcelona, jamais jogou por outro clube. O atleta iniciou seu ciclo no Barça com 14 anos e desde então subiu cada degrau até se profissionalizar.

Pedro é um jogador versátil e atua tanto como atacante como meia aberto na função de ala e além disto é ambidestro, outra característica que pesa a seu favor. Quando surgiu ainda nas categorias de base do Barcelona, o então extremamente habilidoso jogador era visto como uma promessa futura para a seleção espanhola e também para o clube catalão.

Em 2005 e 2006 já alternava convocações entre o Barcelona e o Barcelona B, sendo que era mais utilizado no Barça B em campeonatos como segunda divisão e primeira divisão espanhola. Foi desta forma que amadureceu tecnica e taticamente e na temporada 2008/09 finalmente se firmou no elenco do Barcelona principal.

Como jogador profissional, Pedro mudou um pouco suas características e passou a ser um jogador mais funcional, de grupo e não aquele esperado craque habilidoso. Isto em nada atrapalhou sua carreira de sucesso e vitórias. Sua baixa estatura, e velocidade o tornaram uma espécie de “motorzinho” do time.

Não tem sido diferente na seleção espanhola. Pedro definitivamente entrou para a geração vitoriosa da Espanha como um dos protagonistas tendo em seu curriculo títulos invejáveis a grandes nomes da história do futebol mundial, como três Champions League, por exemplo.

Com o dinamismo que o futebol do Barcelona é gerido, e a necessidade imposta pela torcida de dar espetáculos além de simplesmente vencer, Pedro já vem sendo cogitado a deixar o clube, principalmente com a chegada de novas promessas como Neymar e por entenderem que agora com 27 anos o jogador tende a começar perder o melhor de sua explosão corporal.

Por outro lado, por ser considerado uma espécie de talismã, jogador de bom relacionamento no grupo, que aceita a reserva quando necessário e quando entra faz diferença, é defendido por muitos no elenco e inclusive pelo treinador Luis Henrique que bancou sua manutenção no elenco na última temporada.

Pedro na última temporada completou 300 jogos pelo clube, onde anotou 98 gols até aqui. Confira seu retrospecto geral

Barcelona

Jogos: 318  Gols: 98

– Títulos

La Liga:  2008/09, 2009/10, 2010/11, 2012/13, 2014/15

Copa Audi: 2011

Copa do Rei: 2008/09, 2011/12, 2014/15

Supercopa da Espanha: 2009, 2010, 2011, 2013

Supercopa Europeoa: 2009, 2011

UEFA Champions League: 2008/09, 2010/11, 2014/15

Copa do Mundo de Clubes da FIFA: 2009, 2011

Seleção Espanha:

Jogos: 51 Gols: 16

– Títulos

Copa do Mundo FIFA: 2010

Eurocopa: 2012

Foto: Divulgação/Site oficial FC Barcelona