Especial: futebol Sul-americano muda lógica e vira destino de grandes craques

Volta de Tevez ao Boca Juniors

O futebol sul-americano convive há anos com a diferença econômica com o Velho Continente e se acostumou a perder seus grandes jogadores para times muitas vezes de pouca expressão no cenário mundial. Quem nunca ficou surpreendido em saber que uma revelação argentina foi para uma equipe pequena da Ucrânia?

Nos últimos tempos, no entanto, parece que a lógica inverteu e grandes jogadores estão retornando aos seus países de origem.

Tudo bem, a maioria dos atletas estão mais para o fim da carreira, mas quem questiona que Diego Milito ainda tinha espaço na Europa? Ou então Saviola? Pois bem, o primeiro voltou para o Racing e o segundo está novamente no River Plate.

O exemplo mais claro e recente é Carlos Tevez rejeitar o salário em euros na Juventus – ou em outros grandes clubes europeus – para vestir novamente a camisa do Boca. Sim, ele ainda vai ganhar um alto salário, mas nada comparado com o que poderia embolsar na Europa, China ou outros centros.

Confira o especial produzidos pelos colaboradores Bia Garrido, Gabriel Proiete e Felipe Lemos:

Diego Forlán volta ao Peñarol após 24 anos
Pablo Aimar: o fim é concretizado onde tudo começou
Tevez retorna ao Boca Juniors já pensando na aposentadoria
Saviola abre mão da Europa para se consolidar no River Plate
Racing Club comemora volta de Diego Milito com título argentino
Lucho González volta ao River Plate para fase final da Libertadores



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.