Ederson pede bênção de Zico para vestir a 10 e exalta Flamengo: “Estou no maior do mundo”

Gilvan de Souza/Flamengo

Em sua apresentação como jogador do Flamengo, nessa sexta-feira, na Gávea, o meia Ederson respondeu a várias perguntas sobre a tão cobiçada camisa 10 que volta a ter dono após muito tempo no Ninho do Urubu. Com uma postura humilde, disse que “precisava da autorização de Zico” para vestir a camisa que virou símbolo de títulos e glórias para o Rubro-Negro. O jogador de 29 anos sabe que a pressão será enorme, mas ele nega que será um problema para sua cabeça.

LEIA TAMBÉM:
Sheik confirma ‘quase-namoro’ com modelo de 23 anos; veja fotos da musa!
Veja 5 gringos que deixaram sua marca e podem inspirar Guerrero no Flamengo
Ederson posta foto com Zico e Ronaldo e diz ser uma honra defender o Flamengo
Enquete: Quem deve ir para o banco com a chegada de Ederson no Flamengo?
Veja as opções táticas que o Flamengo pode ter em campo com Ederson

“Tenho que dizer que na seleção brasileira sub-17, em que fomos campeões mundiais em 2003, vestia a camisa 10. Nos clubes que passei também. Aqui no Flamengo tenho de pedir autorização do maior de todos (Zico) para utilizar essa camisa. Existe pressão, cobrança, mas uma felicidade e um orgulho muito grande em vestir essa camisa. Quando o jogador é feliz, ele dá tudo de si mesmo”, disse Ederson, que vem de empréstimo da Lazio, da Itália.

Em uma sala de coletivas lotada, Ederson foi apresentado pelo presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello, e não escondeu a felicidade de retornar ao futebol brasileiro, principalmente em uma equipe de alto escalão como o Flamengo. Sem muitas oportunidades na Lazio, o armador não teve dúvidas em convencer os cartolas italianos que sua vontade era vir para o Rubro-Negro.

“Tenho que dizer que estou muito feliz, honrado e orgulhoso de estar aqui hoje. É um sonho para mim voltar ao meu país, voltando depois de 11 anos. Voltar ao maior do mundo, ao clube que tem a maior torcida do mundo. Vou fazer de tudo para honrar e dar alegrias”, enfatizou o meia, que deve treinar no Ninho do Urubu nesse sábado.

O jogador deve treinar no sábado no Ninho do Urubu e depois será liberado pela diretoria do Flamengo para resolver detalhes burocráticos na Itália, como a mudança da família para o Rio de Janeiro. A expectativa é que Ederson esteja integrado definitivamente ao grupo de Cristóvão Borges na próxima quinta-feira.

Curtiu a matéria? Siga o autor no Twitter: @fontes_matheus.
Facebook: Matheus Martins Fontes.

Foto: Gilvan de Souza/Flamengo



Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.