Dupla Fla-Flu não jogará Copa Sul-Minas, diz presidente da FERJ

Foto: Reprodução/Facebook

O Campeonato Carioca chegou ao fim no início de maio, mas as polêmicas que envolveram a competição estão longe de terminar. Incomodados com a maneira como a Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (FERJ) organizou o torneio, Flamengo e Fluminense estão determinados a não disputarem o Cariocão ano que vem.

LEIA MAIS:
Retorno da Copa Sul-Minas é discutido por clubes

Contudo, o maior empecilho para isso é a autorização da FERJ, uma vez que até mesmo para jogar fora do Rio de Janeiro a entidade que regula o futebol carioca tem que dar a autorização. Dessa forma, o presidente Rubens Lopes já adiantou que a resposta é não:

“Clube do Rio só joga fora daqui se for autorizado pela Ferj ou em partida oficial da CBF. Estranha a postura do presidente da Federação Catarinense de Futebol (FCF). Não creio que a CBF permita torneios piratas. Se não tiver aval da CBF, é clandestina. Time do Rio não joga esse torneio”, frisou Rubinho, segundo o jornal Extra.

A volta da Copa Sul-Minas foi discutida mais uma vez, em Santa Catarina. A intenção dos organizadores é que Flamengo e Fluminense disputem a competição.Os torneios entre regiões eram muito tradicionais nos anos 90 até os anos 2000. Porém, aos poucos foram se acabando. Com o sucesso da Copa do Nordeste, apelidada carinhosamente de Lampions League, houve o interesse da volta da Copa Sul-Minas. A região norte disputa atualmente a Copa Verde.

Foto: Reprodução/Facebook