Cruzeiro ‘copia’ Palmeiras e faz contrato de produtividade com Júlio Baptista

Cruzeiro
Foto: Divulgação/Cruzeiro

O Cruzeiro anunciou nesta semana a renovação de contrato do meia Júlio Baptista, que está em processo final de recuperação de uma cirurgia no joelho. O jogador, que foi pouco aproveitado na temporada passada, espera com o técnico Vanderlei Luxemburgo, assumir o protagonismo da Raposa.

LEIA MAIS:
Julio Baptista detona Marcelo Oliveira: “Ele não é um cara honesto”

Sabendo que a missão não será fácil, ainda mais por causa do momento vivido pelo clube, Júlio Baptista assinou um contrato de produtividade com o Cruzeiro, segundo informações do próprio presidente Gilvan Pinho de Tavares.

“Ele reduzirá um pouco o salário nos dois primeiros meses, até estar em plenitude técnica. Depois, retorna ao patamar de salários de grandes jogadores do Cruzeiro. Não revelamos salários, mas será bem remunerado. Ele está com pressa de voltar a jogar e ser útil ao Cruzeiro. Unimos o útil ao necessário. Teríamos de ficar com ele até o fim da recuperação (por causa da legislação esportiva). Ele concordou em reduzir o salário para mostrar que pode recuperar bom futebol. Acho que pode ser um atleta que procurávamos, sem o custo de direitos”.

O modelo adotado é muito semelhante ao que o Palmeiras utiliza com seus jogadores e que já foi alvo de críticas de atletas, dirigentes e torcedores.

O novo vínculo do meia terá validade até o dia 31 de dezembro deste ano, e o jogador deve voltar a campo em agosto.  “Ele está mostrando uma recuperação muito boa. Está fazendo um trabalho forte. Dentro de poucos dias, estará em campo. Em agosto, ele estará em condições de atuar pelo Cruzeiro”, disse o mandatário.

Foto: Divulgação/Cruzeiro