Campeão do UFC afirma que Conor McGregor “tem o pior ‘cecê’ da história”

Reprodução / UFC

Campeão do peso galo (61kg) do UFC, o americano TJ Dillashaw afirmou que o irlandês Conor McGregor, que se tornou o campeão interino dos penas (66kg) da organização no último dia 11 de julho, “tem o pior ‘cecê’ da história”.

LEIA MAIS:
Conor McGregor: lutador, falastrão e superstar

 Em entrevista ao podcast “Stud Show Radio”, do site “BJPenn.com”, Dillashaw falou que McGregor não preza pela higiene e deu detalhes sobre bastidores do UFC 189. Na ocasião, McGregor nocauteou o americano Chad Mendes – companheiro de equipe de TJ Dillashaw – e ganhou o título interino da divisão até 66kg do UFC.

“Ele cheirava mal. Depois da luta, você é examinado por um médico, eles colhem seu sangue para testá-lo, todas essas coisas. Quando o Chad estava colhendo sangue, nenhum dos médicos conseguia ficar do lado de McGregor porque ele fedia muito. Ele tem o pior ‘cecê’ da história, é tão ruim que dá vontade de vomitar. Se ele fosse um desenho animado, você veria as linhas de fedor desenhadas saindo dele”, falou o americano.

“Essa é uma ótima técnica. Uma ótima técnica que ele usa para feder mais do que seus oponentes”, completou Dillashaw sobre McGregor.

Campeão interino do UFC, McGregor será o próximo adversário do brasileiro José Aldo, campeão linear dos penas. Eles lutarão pelo título definitivo da categoria.

Dillashaw, por sua vez, encara o também brasileiro Renan Barão no próximo sábado (25), em Chicago, nos Estados Unidos, pelo cinturão dos galos.

Crédito da foto: Getty Images



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.