Opinião: 500 milhas, os favoritos e possíveis surpresas

Nesse domingo o mundo do automobilismo assistirás a nonagésima nona edição das 500 milhas de Indianápolis. Como sempre existem as apostas e perguntas: quem será o vencedor? E quem pode surpreender? Confira quem são os favoritos e quem pode surpreender.

Favoritos

Equipe Penske

Com o quarteto mais forte da atualidade e duas vitórias esse ano, podemos dizer que qualquer piloto da escuderia de Roger Penske é favorito para vencer a corrida. Will Power e Simon Pagenaud buscam a primeira vitória e largam, respectivamente, em segundo e terceiro. Helio Castroneves deseja conquistar a quarta e igualar-se aos mitos A.j.Foyt, Al Unser Sr e Rick Mears. Apesar de largar apenas em 15º, não se pode descartar Juan Pablo Montoya, que visa a segunda vitória ( a primeira foi em 2000), pois o colombiano e rápido e inteligente, usando estratégias improvisadas para conseguir tirar o leite de Indianápolis.

Scott Dixon

Pole da corrida, o neozelandês busca a segunda vitória no templo de Indiana.Apesar da estatística desfavorável com os pilotos que largam na frente, o último vencedor que saiu na pole foi justamente Dixon em 2008. Depois de passar perto em 2010, 2011 e 2012, o experiente piloto quer dar a segunda vitória a Nova Zelândia em Indianápolis. Lembrando que Dixon já venceu a corrida esse ano.

Tony Kanaan

Vencedor em 2013, o baiano quer a segunda, e tem grandes condições. Largando em quarto, pilota pela Chip Ganassi e sabe poupar combustível e ser rápido na hora certa. Dependendo no número e do momento das bandeiras amarelas, o brasileiro pode de repente aparecer na frente sem que ninguém esperasse.

Ryan Hunter-Heay

O atual vencedor vai largar apenas em 16º lugar no domingo, mas isso não significa que ele não possa ser considerado favorito. Apesar de usar motor Honda, mais fraco que o Chevrolet, o americano pilota pena Andretti, uma equipe grande e que possui bons estrategistas, além do piloto ser rápido.

Possíveis surpresas

Outros pilotos da Andretti

Apesar de não correr a temporada toda, Justin Wilson é o melhor piloto da Andretti no grid, largando em sexto lugar. I inlês de 1.91  mostra que é um bom piloto e uma possível vitória pode lhe garantir um lugar para o resto da temporada.Além de Wilson w Hunter-Heay, a Andretti terá outros três pilotos que não podem se descartar: Marco Andretti, filho de Michael e que já passou perto várias vezes (2006 foi o momento mais próximo); Carlos Muñoz, que correu muito bem em 2013, e Simona de SIlvestro, que, assim como Wilson, não corre a temporada inteira, mas se depender de sorte e estratégia, pode ser a primeira mulher a vencer em Indianápolis.

CFH Racing

A equipe que derivou da união entre Sarah Fisher e Ed Carpenter pode surpreender em Indianápolis. Josef Newgarden já venceu esse ano e tem todas as condições de ter seu rosto esculpido no troféu de Indianápolis. Mesma situação está Ed Carpenter, o mestre dos ovais.Pode nas duas últimas, o americano parte para uma nova tentativa.

Sebastian Bourdais

O tetracampeão da Champ Car demorou, mas parece que se acertou em circuito ovais. Vai largar em sétimo e, se usar a estretégia e tiver sorte, pode levar a KV a segunda vitória em Indianápolis.

Essas e outras feras entrarão em pista no domingo, as 13:00, com transmissão pela Band e pelo BandSports