Guerrero é dispensado pelo Corinthians e não joga o clássico contra o Palmeiras

Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Paolo Guerrero não vai enfrentar o Palmeiras neste domingo. O jogador, que já tem tudo acertado com o Flamengo, foi dispensado daquela que seria a sua última partida com a camisa do Corinthians: o clássico deste domingo.

LEIA MAIS:
Mercado da bola: Promessa do Corinthians, Matheus Cassini é o novo reforço do Palermo

“Guerrero não faz mais parte do nosso elenco. Ele Não vai mais participar das nossas atividades, treinos, nada. A partir de hoje ele já está liberado, não vai jogar contra o Palmeiras”, disse o gerente de futebol Edu Gaspar em entrevista coletiva no CT Joaquim Grava, esta manhã.

A decisão de tirar o peruano do clássico partiu da diretoria, mas contou com o apoio do jogador. A diretoria temia protestos pela saída do principal jogador do time. Guerrero, que chegou a ser agredido por torcedores que no ano passado invadiram o CT do Timão, também avisou seus agentes que preferia não entrar em campo para evitar retaliações.

Autor dos gols que deram o título mundial ao Timão, ele já vinha sendo chamado de mercenário por não aceitar reduzir a pedida de luvas para renovar seu contrato. A diretoria alvinegra, entretanto, colocou a dispensa na conta do jogador, que já está fechado com o Flamengo.

Eles não gostaram de saber que o acordo com o rubro negro já estava costurado há mais de uma semana, antes mesmo do Timão anunciar que iria desistir do atacante.

“Achamos conveniente liberar o atleta. Queremos todos 100% com a cabeça no Corinthians. Queremos todos os atletas aqui de corpo e alma”, finalizou o Edu Gaspar.

Quem também não deve jogar o clássico é Emerson Sheik, ele também não terá seu contrato renovado ao final de junho. No entanto, ainda não tem nada fechado com nenhum outro clube. Tite já afirmou que gostaria de contar com ele até o término do acordo.

Crédito da foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians



Bruno Monteiro é repórter da TV Bandeirantes. Já atuou também em diversos outros veículos de destaque, como o Portal UOL, Jornal Lance e Sportv.