Cruzeiro x River Plate: Fantasma argentino pode calar Mineirão

Cruzeiro
Getty Images

O cenário é o mesmo de 6 anos atrás: Mineirão lotado. O adversário é, mais uma vez, argentino. O jogo é válido pela copa Libertadores. Resta saber se o resultado será, de novo, péssimo para o Cruzeiro.

LEIA MAIS:
Cinco jogadores do Cruzeiro que podem decidir contra o River Plate

Em 2009, o time mineiro entrava em campo para disputar o duelo final da Libertadores. O jogo valia a taça. Com a vantagem de um empate, o cruzeiro e os cruzeirenses estavam em clima de vitória. 65 mil foram ao estádio. Mas quem fez a festa foi a torcida do time argentino, Estudiantes, e, claro, os atleticanos.

Para os torcedores rivais, nada poderia ter sido melhor. Ver o cruzeiro cair na final depois de uma campanha impecável foi um presente e tanto. ( Vale a pena rever no vídeo abaixo)

 

 

Agora, em 2015, depois da eliminação do Galo na Libertadores e uma primeira vitória do time celeste na Argentina, resta aos alvinegros e aos argentinos, torcer por uma reedição daquele duelo histórico de 2009. Mas as estatísticas não ajudam a acreditar nisso.

O River tem um histórico de freguês da Raposa. Os dois times se enfrentaram em três finais, todas vencidas pelo Cruzeiro. A primeira Libertadores do time celeste, em 1976, foi conquistada em cima do River. O pior resultado para o time argentino, no entanto, foi em 1991. Em casa, os argentinos fizeram 2 x 0, mas no Mineirão o Cruzeiro venceu por 3×0 e levantou a taça da Supercopa da Libertadores.

Aos atleticanos e aos torcedores do River, então, resta acreditar que estatística não ganha jogo e, quem sabe o time argentino encarne o compatriota Estudiantes e repita o feito de 2009.

Foto: Getty Images



Jornalista e pós graduanda em jornalismo esportivo; Apaixonada por esportes. Trabalhou como trainee no Jornal O Estado de S. Paulo. Mineira e doida pelo Galo.