Torcedor invade treino da Fórmula 1 na China para dirigir Ferrari e acaba detido

Crédito da foto: Reprodução

O segundo treino livre para o Grande Prêmio da China de Fórmula 1 registrou uma cena inusitada durante a sessão desta sexta-feira (10). Um homem foi preso após invadir a reta principal do Autódromo de Xangai e tinha como objetivo entrar nos boxes da Ferrari para dirigir um dos carros da escuderia.

LEIA MAIS
Guia: Tudo o que você precisa saber sobre o GP da China

O torcedor, que não foi identificado pela polícia, correu risco de vida ao atravessar o circuito, pois um dos pilotos passava pela reta para abrir uma volta rápida e por pouco ele não foi atropelado. O invasor ainda chegou a escalar o pitwall, antes de ser contido pelos seguranças e, posteriormente, detido pela equipe policial.

Em 2003, o padre irlandês Cornélius Horan invadiu a pista de Silverstone durante o GP da Inglaterra e os carros tiveram de desviar do “maluco” para não o atropelarem naquela oportunidade. Ele vestia uma roupa típica da Irlanda e segurava um cartaz com os dizeres: “Leiam a Bíblia, a Bíblia sempre tem razão.”

Crédito da foto: Reprodução

* Curtiu esta matéria? Siga o autor no Twitter: @marciodonizete



Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade. Atualmente como repórter colaborador no site Torcedores.com.