São Paulo rebaixa Portuguesa em primeiro jogo sem Muricy

O São Paulo não se compadeceu da dramática situação da Portuguesa, aplicou uma goleada nela e mandou o time rubro-verde para a segunda divisão do Campeonato Paulista. Os gols dos donos da casa, marcados por Dória, Alexandre Pato e Hudson foram mais uma pá de terra em cima da Lusa, que agoniza no futebol brasileiro desde que foi rebaixada no Brasileirão pelo STJD, no até hoje controverso Caso Héverton.

LEIA MAIS:
São Paulo x Portuguesa: assista aos gols da vitória Tricolor!

Jogando com um time praticamente reserva e com Milton Cruz como técnico interino, o São Paulo tomou a iniciativa da partida desde os primeiros minutos. Com um meio campo mais leve e, consequentemente, mais veloz, o Tricolor abriu o placar logo aos 9 minutos do primeiro tempo, após o zagueiro Dória aproveitar um cruzamento de Carlinhos.

Dois minutos depois, após boa trama de Carlinhos com Hudson, o volante cruzou rasteiro na área, Alexandre Pato se desvencilhou da marcação e chutou de primeira, com a canhota, no cantinho do goleiro, que até se esforçou, mas não alcançou a redonda.

Sossegado com o placar e já classificado para a segunda fase, no restante da primeira etapa o time apenas tocou a bola e, no segundo, aos 11, após Jonathan Cafu sofrer e desperdiçar um pênalti, Hudson, esperto no lance, pegou o rebote e, de peixinho, fez o terceiro e último gol do jogo.

Nos 30 minutos finais de jogo, o São Paulo teve mais uma porção de chances de aumentar o placar, mas a falta de capricho nas finalizações deixou os números como estavam. Já no fim da peleja, a torcida homenageou o ex-técnico Muricy Ramalho, que pediu demissão no início da semana após a série de maus resultados que a equipe teve no começo do ano e para cuidar de sua saúde, bastante debilitada.

De forma inesperada, parte dos presentes nas arquibancadas do Morumbi também gritou o nome de Vanderlei Luxemburgo, técnico do Flamengo e um dos nomes cotados para assumir o posto vago.

Para a Portuguesa, restou apenas juntar os cacos de mais uma tragédia de sua história recente. É a terceira queda do clube em três anos. Além do rebaixamento decidido nos tribunais, em 2013, o time rubro-verde caiu para a Série C do Brasileirão em 2014 e agora vai para a série A-2 do Paulista. O mais triste disso tudo é que nas últimas duas derrocadas, a equipe não apresentou reação alguma ao longo das competições, parecendo aceitar que seu destino seria mesmo o fracasso.

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 3×0 PORTUGUESA

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 8 de abril de 2015, quarta-feira
Horário: 22 horas (de Brasilia)
Árbitro: Alessandro Darcie
Assistentes: Fausto Augusto Viana Moretti e Fábio Rogério Baesteiro
Cartões amarelos: Bruno (São Paulo). Alex Lima (Portuguesa)
Cartão vermelho: Edno (Portuguesa)
Público: 5.232 pagantes
Renda: R$ 141.155,00
Gols: SÃO PAULO: Dória, aos 9, e Alexandre Pato, aos 11 minutos do segundo tempo. Hudson, aos 11 minutos do segundo tempo

SÃO PAULO: Renan Ribeiro; Bruno, Paulo Miranda, Dória e Carlinhos; Hudson, Rodrigo Caio e Thiago Mendes; Centurión (Auro), Cafu (Lucão) e Alexandre Pato
Técnico: Milton Cruz (interino)

PORTUGUESA: Rafael Santos; Filipi (Cascardo), Guilherme, Valdomiro e Luan Peres (Alex Lima); Ferdinando, Caique, Betinho e Leo; Matheus (Jean Mota) e Edno
Técnico: José Augusto (interino)

Foto: Divulgação / São Paulo FC



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...