Jimmie Johnson assume liderança no final e vence etapa do Texas da Nascar

Jimmie Johnson venceu na noite deste sábado (11) a Duck Commander 500, sétima etapa da Nascar Sprint Cup, disputada no Texas Motor Speedway, em Fort Worth, nos Estados Unidos. Esta foi a segunda vitória do piloto da Hendrick na temporada e a quinta no circuito oval de uma milha e meia, ratificando sua condição de maior vencedor no autódromo texano.

LEIA MAIS:
No Texas, Nascar realiza sua sétima etapa neste sábado

O dono do carro de número 48 ainda foi o piloto que mais liderou voltas ao longo da prova, com 128 das 334 passagens da corrida na primeira colocação. Kevin Harvick, que liderou por 96 giros, ficou com a segunda colocação, seguido por Dale Earnhardt Jr.. A lista dos cinco melhores ainda contou com os dois pilotos da Penske, com Joey Logano completando a corrida a frente de Brad Keselowski.

Após Harvick liderar as primeiras 33 voltas, Kurt Busch, que largou na pole position, assumiu a ponta da corrida, até fazer uma parada nos boxes. Brad Keselowski, que optou por seguir em uma janela de parada nos boxes diferente, pulou para a primeira colocação, ficando até a 110ª passagem, quando Johnson o ultrapassou. A partir deste momento, o hexacampeão da Nascar e Harvick, campeão do ano passado, dominaram a maior parte da corrida.

A prova ganhou em emoção após a última relargada, quando restavam 21 voltas para o final da corrida. Jamie McMurray, Jeff Gordon mantiveram as duas primeiras colocações, enquanto Harvick tocava o carro de Joey Logano, tirando as chances de vitória do dono do carro 22. Ainda assim, o atual campeão travou uma boa disputa pela vitória com Johnson, que assumiu a liderança de forma definitiva no 320º giro.

O piloto da Stewart-Haas ainda cometeu um erro e raspou o muro quando restavam três voltas para o final da prova, deixando a disputa pela vitória e sendo obrigado a brigar até o final pelo segundo lugar com Dale Jr., com quem trocou ultrapassagens até a última curva, com Harvick terminando 34 milésimos a frente do piloto do número 88.

Se até a metade das 334 voltas a corrida contou com apenas duas bandeiras amarelas, a partir da 171ª passagem o Safety Car teve de ser acionado outras seis vezes. Apesar do grande número de neutralizações, a prova contou com apenas 40 giros com o carro de segurança na pista.

Com os resultados da etapa do Texas, Kevin Harvick segue na liderança do campeonato, com duas vitórias e 306 pontos. Jimmie Johnson também aparece com duas vitórias, mas possui 216 pontos. Joey Logano, Brad Keselowski e Denny Hamlin possuem uma vitória cada e fecham o grupo dos cinco melhores. Ryan Newman e Danica Patrick deixaram a zona de classificação ao Chase, que agora conta com Jeff Gordon e Carl Edwards.

A próxima etapa da Nascar acontece no dia 19 de abril, com a realização da Food City 500, que será disputada no oval de 0,533 milha do Bristol Motor Speedway, circuito maior apenas maior que a pista de Martinsville. A corrida terá um total de 500 voltas, totalizando 266.5 milhas.

Foto: Sean Gardner



Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.