Confiante após vitória contra a Lusa, Hudson diz: “o melhor está por vir”

O astral no São Paulo parece que realmente melhorou ao longo dessa semana, principalmente depois da vitória incontestável contra a Portuguesa, na última quarta-feira (8), no Morumbi, primeiro jogo depois da saída de Muricy Ramalho. O volante Hudson, titular e capitão no dia, acredita que o desempenho mostrado contra o adversário é um sinal de que as coisas vão melhorar ainda mais para o Tricolor daqui em diante.

LEIA MAIS:
Wesley pode ser titular no São Paulo, contra o Red Bull Brasil
5 motivos pelos quais o Red Bull pode complicar a vida do São Paulo

“Acho que o melhor está por vir. Estamos entrando em jogos que podem dar muita confiança ao time. Se formos bem no sábado, ganharemos confiança para enfrentar o Danubio. Depois, teremos semifinal do Paulista e mata-mata da Libertadores. Vamos buscar consertar os erros do passado. Somos profissionais e, apesar das dificuldades, temos de levantar a cabeça o mais rápido possível”, analisou Hudson, em coletiva de imprensa.

O jogador, um dos mais elogiados pela comissão técnica do clube, mesmo na época de Muricy, ganhou a titularidade ao longo da temporada, inicialmente improvisado na lateral-direita, no lugar do recém-chegado e instável Bruno.

As boas apresentações que fez o renderam a possibilidade de atuar em sua posição de origem na última rodada do Paulistão, contra a Portuguesa. Apesar de ter entrado em campo um time considerado reserva, o empenho de Hudson o rendeu até o privilégio de ser capitão da equipe, ocasião em que Rogério Ceni não entrou em campo.

Hudson está no São Paulo desde maio de 2014, depois de chamar a atenção pelas boas atuações pelo Botafogo-SP, no Campeonato Paulista do ano passado. Muito tímido em seu início pelo Tricolor, o jogador acabou ganhando espaço apenas no segundo semestre do ano, principalmente quando o elenco precisou de peças para repor jogadores lesionados.

A seriedade e profissionalismo do atleta, porém, reverteram essa situação, e já no fim do ano, nos momentos decisivos dos campeonatos disputados pelo São Paulo, Hudson havia virado titular da lateral-direita e um dos homens de confiança de Muricy Ramalho, que só o tirou do time este ano por confiar que Bruno, vindo do Fluminense, teria desempenho melhor, por ser sua posição original.

Foto: Divulgação / São Paulo FC



Tudo o que preciso é um papel e uma caneta. Apaixonado por esportes desde 1900 e bolinha: de futebol, basquete, tênis, rugby...