Boca Juniors goleia e dispara como melhor time da Libertadores

Foto: Departamento de Prensa de Boca Juniors

Cinco vitórias em cinco jogos. O Boca Juniors confirmou as expectativas, venceu Montevideo Wanderers por 3 a 0 no Uruguai com gols de Calleri e Monzón e manteve aproveitamento de 100% na temporada 2015.

LEIA MAIS:
Presidente do Boca Juniors diz que Tevez volta em 2016
River Plate arranca empate com Tigres pela Copa Libertadores

Classificado para as oitavas de final, o Boca Juniors deve enfrentar o arquirrival River Plate na fase mata-mata. O confronto depende de uma combinação de resultados e será definido apenas no final de abril, no encerramento da última rodada da fase de grupos da Libertadores.

O técnico Rodolfo Arruabarrena manteve o rodízio entre os jogadores do Boca Juniors e escalou um time misto no Uruguai. Principal contratação do time xeneize para 2015, Osvaldo nem viajou com o elenco. O escolhido para substituir o craque foi Calleri. Ele aproveitou a oportunidade no time titular, marcou dois gols e chegou a seis na temporada, mesmo número de Osvaldo. Uma cobrança de falta do lateral Monzón decretou o placar em Montevidéu. O chute de pé esquerdo entrou direto no gol defendido por Carlos Techera.

O líder do Campeonato Argentino volta a campo no próximo domingo (12), quando enfrenta o vice-lanterna Nueva Chicago no Estádio La Bombonera.

Com este resultado, Boca Juniors chegou aos 15 pontos e disparou na liderança do grupo 5. Na última rodada, disputada na quinta (16), os argentinos enfrentam o vice-líder Palestino-CHI, que tem 7 pontos, em La Bombonera. Empatado com os chilenos em número de pontos, o Wanderers terá pela frente o lanterna Zamora, na Venezuela, que acumula cinco derrotas na Libertadores.