Técnico da casa e torcedores em campo. É assim que o Boca quer reconquistar a América

Foto: Departamento de Comunicação Boca Juniors

O Boca Junior é o maior vencedor da Copa Libertadores desde a virada do século, mas ficou longe da disputa da taça nos últimos anos. Após levantar a taça em 2007, a equipe argentina chegou à final em 2012, mas perdeu para o Corinthians. Em 2015, no entanto, o clube tem tudo para incomodar novamente.

LEIA MAIS
Por engano, torcedores do Boca Juniors apedrejam ônibus do próprio time
Hoje no Boca Juniors, Lodeiro diz que clube “é maior que o Corinthians”
Boca Juniors quer construir estádio em Miami

Os ingredientes para um time forte são: torcedores do time e com rodagem pela Europa como destaques e um técnico da casa.

Dentro de campo, os ‘xeneizes’ Fernando Gago e Osvaldo têm a missão de comandar um time bastante reforçado. Tanto o volante como o atacante se dizem torcedores do Boca.

Gago, de 28 anos, foi criado nas categorias de base e estreou no profissional em 2004. Depois, passou por Real Madrid, sem grande destaque, Roma e Valencia na Europa. Em 2013, voltou à Argentina para defender o Velez Sarsfield, mas logo se transferiu para o time do coração.

Já Osvaldo, que tem cidadania italiana e defendeu a seleção europeia, surgiu no Huracán, mas declarou na apresentação ao Boca que sempre torceu para o clube e tem como ídolo Riquelme. O atacante rodou por alguns times e países na Europa e teve mais destaque na Roma.

Além da dupla ‘xeneize’, o elenco conta com Lodeiro, ex-Corinthians, Peruzzi, Sara, Palacios e Pavón.

E para comandar este elenco de qualidade, outro profissional bastante identificado com o Boca. Rodolfo Arruebarrena, ou “El Vasco”, foi criado na base da equipe e chegou ao comando no ano passado no lugar de Carlos Bianchi.

E a mistura parece estar dando resultado, pois o Boca está na liderança do Grupo 5 com seis pontos em dois jogos.

Crédito da foto: Departamento de Comunicação Boca Juniors



Editor senior do Torcedores.com, o jornalista formou-se na Universidade Metodista em 2009 e passou pelas redações do Diário do Grande ABC, Agora SP, UOL e Fox Sports, onde fez a cobertura da Copa do Mundo de 2014. Está no Torcedores desde outubro de 2014.