Antonio Augusto Pompeu de Toledo é reeleito presidente do Conselho Deliberativo do Palmeiras

Reprodução/YouTube/TVExito/Verdazzo

Na noite da última segunda-feira, 09, os conselheiros do Palmeiras elegeram o novo presidente do Conselho Deliberativo do clube para o próximo biênio. Além do presidente, o vice também foi escolhido. Mais de 200 conselheiros participaram do pleito.

LEIA MAIS
Palmeiras elege 76 novos conselheiros; veja lista em primeira mão!
Palmeiras pode arrecadar mais de R$40 milhões com bilheteria em 2015

O advogado Antonio Augusto Pompeu de Toledo se reelegeu presidente do Conselho palmeirense com 147 votos, vencendo Nobuyuki Yokoyama e Flavio Luiz Amadei. O cargo de vice presidente ficou com Mauro Yasbek, com 114 votos. O conselheiro desbancou os candidatos Tarso Luiz Furtado Gouvêia e Mario Paulo Frugis.

SOBRE O PRESIDENTE

Antônio Augusto Pompeu de Toledo, 62, já foi presidente do Conselho de Orientação e Fiscalização (COF) no Palmeiras, além de também ter feito parte da elaboração do contrato entre o clube e a Parmalat, na década de 1990.

Além disso, as origens do novo presidente do Conselho palmeirense chamam atenção. Isto porque ele é sobrinho de Cícero Pompeu de Toledo, que já comandou o São Paulo entre 1947 e 1957 e incentivou a construção do estádio do Morumbi, que inclusive leva o seu nome. Cícero também foi imortalizado como presidente de honra do Tricolor.

Brício Pompeu de Toledo, pai de Antônio, foi outro personagem importante da família na história do Palmeiras. Foi presidente do clube entre 1978 e 1982. Apesar de ser irmão de Cícero, são-paulino declarado, o ex-presidente do Verdão sempre foi palmeirense.

O mesmo acontece com o atual presidente do Conselho alviverde. Palmeirense desde sempre, Antonio sempre que tem a oportunidade explica a história eclética de sua família na escolha dos times de futebol e trata de separar bem o posicionamento familiar. “Sou palmeirense de carteirinha desde que nasci, assim como meus três filhos”, disse em entrevista ao programa Verdazzo, em 2013, na ocasião de sua primeira eleição como presidente do Conselho Deliberativo do Palmeiras.

Foto: Reprodução YouTube/TV Exito/Verdazzo