Ronda afirma que venceria 100% dos homens do seu peso no UFC

Ronda_Rousey_UFC_MMA
Crédito da foto: Getty Images

Após a maneira avassaladora que Ronda Rousey venceu aquela que poderia impôr a luta mais difícil de sua carreira no UFC (Cat Zingano) em míseros 14 segundos, o público do MMA já levanta até mesmo a discussão se Ronda teria a capacidade de derrotar os homens do seu peso no Ultimate, tamanha a sua dominância no Peso Galo Feminino.

LEIA MAIS

Spider se diz surpreso com doping e planeja revanche contra Diaz em 2016
Após atropelar Cat Zingano, Ronda mira brasileiras no UFC

E, em uma entrevista concedida na noite da última quinta-feira no “The Dan Patrick Show”, “Rowdy” não demonstrou ter dúvidas: Pode vencer qualquer um:

“Eu não me sinto ofendida. Eu realmente não acho que isso seja sério. Considero inclusive um elogio que as pessoas sequer considerem isso. Eu nunca disse que eu seria incapaz de vencer qualquer um porque eu não acredito no fato de me colocar limites. Ou seja, se você fala no reino das possibilidades sobre o que é possível ou quem eu poderia derrotar, bem eu poderia vencer 100% deles. Você não pode me dizer que teria zero por cento de chances de vencer qualquer pessoa no planeta porque eu nunca diria isso.”

Apesar de existirem pessoas do mundo das artes marciais mistas como Dana White e o comentarista Joe Rogan, que chegou inclusive a falar que Ronda venceria mais da metade da divisão masculina até 61 kg, há também quem já expressou publicamente discordar da questão.

Além do Peso Mosca Ian McCall dizer que, mesmo sendo menos pesado, Ronda não conseguiria derrubá-lo, o Peso Médio Derek Brunson usou a sua rede social duas vezes logo após a entrevista da campeã do UFC.

No primeiro tweet, Derek reconheceu a qualidade de Rousey, porém fez uma ressalva:

“Ronda Rousey, você é um monstro e tudo mais. Mas você não venceria os homens do seu peso no UFC. Tenha dó.”

Dez minutos depois, Brunson deu suporte a sua teoria apresentando os principais nomes dos Galos Masculinos:

“Homens que lutam na mesma classe que Rousey: (TJ) Dillashaw, (Renan) Barão, (Dominick) Cruz, (Urijah) Faber, (Raphael) Assunção, (Michael) McDonald… se você alimenta essa ideia você está totalmente louca.”

Crédito da foto: Getty Images

 



Jornalista formado em 2012 pela FIAM e que tem paixão por esportes, destacando-se Futebol, MMA, Basquete e Automobilismo. Foi editor e repórter do Universo dos Sports.