Pato se mostra irritado com contrato que o impede de jogar contra o Corinthians

São Paulo

De fora do clássico de domingo, Pato não escondeu o descontentamento por ficar de fora de mais um jogo contra o Corinthians e falou do contrato que o impede de atuar.

“É triste não poder jogar um jogo tão especial como esse. Todos dão muita importância. Esses motivos contratuais estão fora do futebol verdadeiro. Na Europa, isso não existe. No Milan, alguns passaram pelo momento que estou passando e podiam jogar. Gostaria de jogar, é ruim só assistir. Mas tenho de encarar isso”, disse o camisa 11.

“Eu não abro mão de nada, fiz por merecer para receber o salário que eles me pagam. Mas acho que a parte contratual poderia ser modificada. Tenho de aceitar a situação atual, toda vez que ficar fora, tenho de torcer pelos companheiros. Espero que, nos outros clássicos, possamos ganhar”, falou o jogador. Pelo acordo de empréstimo feito com o Corinthians no ano passado, o São Paulo terá de pagar R$ 5 milhões caso queria escalar Pato diante do arquirrival.

Questionado sobre o que fará ao final do contrato de empréstimo, se retornará ao Corinthians, disse “Vou esperar até o último momento para decidir. Tenho coisas muito mais importantes para pensar agora. Temos o Paulista e a Libertadores. O final do ano ainda vai demorar. Só quero marcar gols e ajudar a minha equipe”.

Perguntado se vê Centurión como uma possível ameaça a sua titularidade, não se mostrou preocupado “quanto mais jogadores bons, melhor para o grupo. Não sinto pressão em cima de mim. Estou aqui para jogar e para fazer o melhor para o São Paulo. A disputa é boa para o São Paulo”.



Redação do Torcedores.com