Opinião: São Paulo chegou ao limite. Não dá mais para perder clássicos

Muricy

A memória do torcedor não leva em conta desempenhos passados. O fato é, se foi vice-campeão brasileiro no ano passado jogando um futebol melhor do que o apresentado em anos anteriores, o São Paulo agora patina neste início de temporada. Ganha bem dos pequenos, mas perde ou sofre nos clássicos com os grandes. Não dá mais.

LEIA MAIS
Souza e Luis Fabiano são dúvidas para quinta-feira

Foram duas derrotas para o Corinthians. Antes, um empate em 0 a 0 com o Santos, um jogo no qual santo, mesmo, foi Rogério Ceni, que pegou até pensamento e não permitiu uma vitória do Peixe na Vila Belmiro.

Contra o time de Tite, um jogo pela Libertadores e outro pelo Paulistão. Um na Arena Corinthians, outro no Morumbi. Um com reclamações fortes contra a arbitragem por causa de uma falta de ataque não marcada contra o Timão momentos antes do segundo gol (o jogo foi 2 a 0), o outro com expulsão de jogador do Corinthians e um pênalti polêmico (que, sim, foi pênalti).

Cenários totalmente distintos para o mesmo fim: vitória do Corinthians. O próximo clássico será daqui a duas semanas, contra o Palmeiras, no Allianz Parque. Será a primeira vez que o Tricolor jogará na nova casa alviverde. O Verdão, que perdeu o jogo de inauguração do estádio, no ano passado, e ainda saiu derrotado do primeiro clássico, também contra o Corinthians, virá com toda a força para evitar uma nova marca negativa, um novo vexame.

O São Paulo precisa dar essa resposta à torcida, até para poder cobrar mais presença e incentivo nos jogos da Libertadores. Ou então a crise chegará de vez.

Foto: Getty Images



Editor do Torcedores.com, está no site desde julho de 2014. Formado pela Universidade Metodista de São Paulo, já passou por UOL, Editora Abril e Rede Record. Participou da cobertura da Copa do Mundo de 2014, de dois Pans, dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 e do Rio 2016. Também colabora com o ONDDA, site "irmão" do Torcedores.com.