Jogo das Estrelas 2015 do NBB terá duelo Mundo x Brasil

Luiz Pires/LNB

Franca, considerada como berço do basquete no Brasil, receberá nesta sexta-feira os torneios de três pontos, enterradas, habilidades e o Jogo das Estrelas 2015 do NBB. A cidade localizada no interior de São Paulo já recebeu o episódio em 2012.

LEIA MAIS
Saiba quais são os jogadores que decidem onde vão jogar na NBA
Entrevista Jogo das Estrelas da NBB: Arlindo Neto, ala-armador do Palmeiras

Na ocasião, o time do Mundo, que conta com os melhores jogadores estrangeiros, ganhou do time do Brasil com uma bela atuação do norte-americano Robert Day, que anotou 51 pontos. Atualmente, o ala atua na equipe de Bauru, que lidera a competição e foi chamado para substituir seu companheiro de equipe Jefferson, que havia sido convocado para o torneio de três pontos, mas acabou lesionando o tendão de Aquiles durante as quartas de finais da Liga das Américas e passará por uma cirurgia.

A imprensa especializada, técnicos, capitães, assessores e personalidades do basquete brasileiro votaram em 12 jogadores do NBB Mundo e do NBB Brasil, além do técnico e auxiliar de cada equipe. Após serem selecionados, a votação passou a ser popular e computada pela internet, definindo o time titular do jogo de sábado.

A equipe Mundo terá como titular no jogo de sábado os dois norte-americanos da equipe de Mogi das Cruzes, Shamell e Tyrone, o armador-ala da equipe de Limeira, David Jackson e o pivô sensação da torcida flamenguista, Meyinsse, além da primeira participação do argentino Stanic, armador do Palmeiras.

Na reserva, estarão à disposição do técnico espanhol Paco Garcia, que comanda a equipe de Mogi das Cruzes: o ala Dawkins (Paulistano), o Armador Laprovittola (Flamengo), o ala/armador Holloway (Paulistano), o pivô Mata (Franca), o pivô Herrmann (Flamengo), o pivô – Toyloy (Palmeiras) e o ala Robby Collum (Minas). Apesar de ser uma confraternização , o americano Shamell garante que  os estrangeiros vão em busca da vitória: “vamos dar show, mas já mandei e-mail pra todos falando que temos que ganhar a partida. Dar show, mas ganhar”.

Na equipe titular brasileira, representarão nosso país o ala Marquinhos, do Flamengo, o pivô Rafael Hettsheimeir(que estreará no jogo festivo), do Bauru, o ala/armador e MVP das duas últimas edições, Alex Garcia, o armador Fischer também do Bauru e completando a equipe o ala/pivô Cipolini, do Brasília.

No banco, estarão à disposição de Demétrius do Minas e Guerrinha do Bauru: o veterano armador Nezinho (Limeira), os jovem Léo Meindl (Franca), Lucas Mariano (Franca) e o armador Henrique Coelho (Minas) e fechando a lista verde-amarela, o ala/armador Neto (Palmeiras) e o líder em rebotes do NBB7, Caio Torres (São José).

Nesta edição, haverá ainda um jogo das estrelas femininos, com as estrangeiras e brasileiras que atuam na LBF (Liga de Basquete Feminino) simultaneamente ao jogo masculino.

Às 19h da sexta-feira, dia 6, começa as atividades de habilidade, tanto feminina quanto masculina. Às 20h30 é a vez dos chutadores tentarem levar pra casa o troféu de campeão no torneio de três pontos. Às 21h, ocorre o torneio de enterradas, que sempre atrai a maior atenção do público pelas belas acrobacias realizadas, além da criatividade dos brasileiros.

No sábado, dia 7, o jogo celebrativo começa às 13h15, horário de Brasília, e os dois dias terão transmissão exclusiva da Sportv.

Crédito da Foto: Divulgação



Jornalista em formação no Mackenzie, estagiário do Torcedores.com e fotógrafo. Fanático por basquete, tênis, surf, futebol e futebol americano.