Mercado da bola: Valdivia vai conversar com Palmeiras e Flamengo, diz jornal

Getty Images

Valdivia, camisa 10 do Palmeiras, tem contrato apenas até o meio do ano com a equipe paulista. Jogador polêmico e que convive bastante com lesões, o meia já pode assinar um pré-contrato com outro clube, mas, ao que parece, deseja mesmo é permanecer no Alviverde. Isso, no entanto, não o impedirá de ouvir propostas de outras equipes, como garante a Folha de São Paulo.

LEIA MAIS:
Opinião: Corinthians e Flamengo terão mais jogos exibidos na Globo
Valdivia encerra polêmica sobre “Rio de Janeiro” e se declara ao Palmeiras

Segundo o jornal, Luis Valdivia, pai e empresário do meia Valdivia, está no Brasil desde quarta (4) para tratar da renovação do contrato de seu filho com o Palmeiras e vai se reunir com a diretoria do clube no início da próxima semana. Entretanto, também está no itinerário dele uma reunião para ouvir uma proposta do Flamengo, ainda sem data definida.

Valdivia já trabalhou com o treinador Vanderlei Luxemburgo no próprio Palmeiras e possui características técnica para vestir a camisa 10 da Gávea. O jogador, no entanto, garantiu nas redes sociais amar o clube que defende atualmente e não parece muito disposto a deixá-lo.

Hoje, o salário de Valdivia gira em torno de R$ 500 mil mensais. Na renovação, o Palmeiras deve tentar uma redução deste valor na parte fixa dos vencimentos. Pode até ser que, no fim das contas, Valdivia fique com vencimentos parecidos aos que ganha hoje, após a renovação. Mas a ideia é vincular parte dos ganhos à produtividade do jogador pelo time.

Dentro do clube, o meia já não conta mais com tanta moral como em outros tempos. Se no ano passado ele reclamou publicamente da falta de qualidade da equipe, hoje é justamente o excesso de bons jogadores para a sua posição que pode dificultar a sua permanência.

Foto: Getty Images