PSG? Lyon? Nada disso, veja quem é o maior campeão francês

Zlatan Ibrahimovic -
Getty Images

Para o Campeonato Francês acabar, ainda faltam 10 rodadas. A briga está entre Paris Saint-Germain, Lyon e Olympique de Marselha, primeiro, segundo e terceiro colocado respectivamente. Porém vale destacar que apesar de serem clubes tradicionais na França, nenhum deles é o maior campeão francês.

LEIA MAIS
Em segundo, milionário PSG briga pelo título francês com clubes “pobres”

O segundo Lyon, por exemplo, com 64 anos de existência não tinha conquistado nenhum título francês até a temporada 2001/02. Após o primeiro título, juntamente com Juninho Pernambucano, a equipe conquistou o torneio por seis anos consecutivos. De lá para cá os “Les Gones” nunca mais levantaram títulos e pararam nos sete canecos do francês.

A segunda equipe que mais venceu é o Olympique de Marselha. Eles poderiam ser o primeiro, mas o título da temporada 92/93 foi cancelado devido a um escândalo, pois jogadores do Valenciennes denunciaram o clube onde afirmaram que o presidente da equipe havia pedido para deixar o Olympique vencer.

O Olympique de Marselha possui nove títulos, ao todo. A última vez que eles levantaram a taça de campeões da França aconteceu na temporada 2009/10.

E o PSG? É apesar de sempre ter sido uma das mais tradicionais equipes da França, eles passaram a ser mais conhecidos após terem sido comprados no ano de 2011 pelo Sheik, Nasser Al-Khelaifi. E só depois que eles foram adquiridos é que passaram a novamente ganhara a Ligue 1.

A última antes do Sheik comprar a equipe parisiense, havia sido na temporada 1993/94 quando o brasileiro Raí ainda estava no time. 19 anos depois, o Paris Saint-Germain voltou a vencer o Campeonato Francês e dessa vez por duas temporadas seguidas (2012/13 e 2013/14). Com esses dois êxitos, o time conseguiu apenas o seu quarto título.

Quem lidera o ranking de time com mais títulos na França é o Saint-Etienne. Há 34 anos eles estão na hegemonia do Campeonato Francês, pois seu último título nacional aconteceu ainda na temporada 1980/81. De lá para cá, os “Vert et Blanc”  brigaram pelo caneco apenas em uma oportunidade que foi na época seguinte em que ganharam o francês.

Foto: Getty Images

 



Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.