Diretor do Corinthians nega interesse na contratação de Bernard

Bernard

No início da semana, o portal UOL divulgou que o Corinthians mirava a contatação de um atacante velocista. O ex-atleticano Bernard, encostado no Shakhtar Donetsk, da Ucrânia, seria o principal alvo alvinegro. No entanto, em entrevista à Rádio Bradesco Esportes FM, o diretor de futebol Sérgio Janikian negou qualquer interesse na contratação do atleta.

LEIA MAIS:
Técnico do Shakhtar detona brasileiro Bernard: “Só chora. Veio tomar dinheiro”
Corinthians x São Bernardo; saiba o que está em jogo

“Esta notícia não procede. Não existe nada de verdadeiro. Não sei de onde ela partiu. Estamos preocupados em manter o grupo. Não existe necessidade de agregar nada neste momento”, disse. Segundo a publicação, o Corinthians tentava o empréstimo até o fim de 2015 ou, se possível, até julho de 2016.

O pedido da contratação teria sido feito por Tite, admirador confesso de Bernard, destaque na campanha de título do Atlético em 2013. Em agosto daquele ano, o atacante se transferiu ao clube ucraniano, que investiu 25 milhões de euros (R$ 77 milhões) na contratação. O jogador nunca caiu nas graças do técnico Mircea Lucescu. Recentemente, o profissional não poupou críticas ao brasileiro.

“Bernard tem que demonstrar em campo que é homem. Bernard só chora. Só veio tomar dinheiro. Sofro, mas creio que todos querem sofrer para ganhar 300 mil euros por mês. Só ele diz isso. Douglas (Costa) é jovem. (Alex) Teixeira é jovem. São todos da mesma idade. Fred joga sempre. É perfeito. Os dois melhores da equipe são Fred e Teixeira. Não saem nunca. Querem jogar sempre. Estávamos perdendo para o Atlético, e eles pediram para permanecer em campo. Eles são jogadores de Seleção”, disse em entrevista ao jornal Zero Hora, em janeiro.



Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)