“Democracia Santista”? Jogadores já aprovaram três possíveis treinadores

Robinho
Getty Images

De 1981 a 1985 o Corinthians viveu uma fase denominada Democracia Corintiana, onde os jogadores tinham direito a voto para escolher desde as contratações até o local de concentração. Será que, sutilmente o Santos está trilhando um caminho parecido?

LEIA MAIS
Programa relembra o dia em que o Vasco tentou contratar Pelé

Em entrevista ao repórter Guilherme Lage, da rádio Transamérica, o zagueiro do Santos David Braz disse que os jogadores foram consultados pela diretoria do clube para saber se aprovam os nomes cogitados para comandar o time.  Apesar de os jogadores negarem, houve um forte boato de que a demissão de Enderson Moreira teve influência direta de alguns jogadores.

Os nomes de Dorival Júnior, Vagner Mancini e Marcelo Fernandes, que está atuando como técnico interino, foram aprovados pelo elenco. O jogador afirmou que qualquer um dos três será recebido de braços abertos.

Nesta terça-feira (10), Modesto Roma Junior, presidente do Peixe, se reuniu com Dorival Junior em um hotel de São Paulo. A assessoria do clube não passou detalhes da reunião e afirmou que ainda não tem nada fechado com o técnico.

Enderson foi demitido quinta-feira (5) pelo mesmo motivo que Dorival em 2010, quando comandava o Santos:”indisposição com atleta da base”. No caso em questão, o atleta revelação da base era o atual craque Neymar. O técnico foi recentemente criticado por humilhar alguns atletas enquanto comandou o Plameiras, em 2014.

Existe uma divisão entre comitê gestor e diretor de futebol. O comitê tem preferência por Dorival, já o diretor Dagoberto opta por Mancini, com que trabalhou no Santos e no Atlético Paranaense.

Apesar de citado por Braz na entrevista, Marcelo Fernandes foi descartado por Modesto. Segundo ele, não é o momento para o interino assumir o comando, porque na primeira crise, cairia.

O time enfrenta o Palmeiras na vila nesta quarta-feira (12) ainda sob o comando de Marcelo e auxílio de Serginho Chulapa. A diretoria afirmou que até o dia seguinte ao clássico definirá a situação do clube.

Foto: Getty Images



Estudante de jornalismo na Umesp, e de futebol na Universidade do Futebol. Trabalha na rádio Jovem Pan, no programa \"No Mundo da Bola\". Fez algumas participações comentando sobre futebol na rádio Bradesco Esportes FM. Apaixonada e viciada em tudo o que acontece no mundo da bola; dentro e fora das quatro linhas!