Copa do Nordeste: Ceará bate Ríver e Sampaio Corrêa conta com ajuda de “superstição” na 5ª rodada

Pela 5ª rodada da Copa do Nordeste 2015, o Ceará bateu a equipe do River pelo placar de 1 a 0 com um gol nos acréscimos. Já o Sampaio Corrêa usou da superstição para vencer o Socorrense dentro de casa, pelo placar de 2 a 1. As duas equipes dão um importante passo para a classificação para as quartas de final.

LEIA MAIS:

Pelo Pernambucano, América bate Pesqueira e fica a um passo da permanência

Copa do Nordeste: Sport bate Socorrense por 3 a 0 fora de casa

Em Fortaleza, o Ceará sofreu para vencer a equipe do Ríver do Piauí, pelo placar de 1 a 0 com um chorado gol nos acréscimos. Com a vitória, a equipe cearense praticamente garantiu sua vaga na próxima fase, seja como primeiro ou um dos segundos colocados com melhor campanha.

Em um jogo bastante movimentado, quem teve as melhores chances foi o Ceará, que investiu bastante com o atacante Assisinho. O Ríver esperava uma bola no contra-ataque, principalmente com Esquerdinha, seu principal jogador. O goleiro Naylson, da equipe piauiense mais uma vez teve destaque, evitando boas chances do Ceará.

O gol saiu aos 46 minutos da segunda etapa, com Marinho, após cruzamento na área, raspando de cabeça no canto esquerdo do goleiro piauiense. A diferença foi a entrada de Magno Alves na partida, que deu a assistência que tranquilizou o “Vozão”.

Com a vitória, o Ceará chegou aos 9 pontos e assumiu a liderança do grupo D. Fortaleza e Botafogo jogam hoje em João Pessoa, e um tropeço do rival cearense pode dar a vantagem do empate para a equipe alvinegra no clássico da próxima rodada. Já o Ríver precisa de um milagre, pois torce para uma derrota do Fortaleza nos dois jogos que lhe restam. Com 5 pontos, a equipe piauiense precisa vencer o Botafogo na última rodada para sonhar com a classificação.

SAMPAIO CORRÊA X SOCORRENSE

No outro jogo da noite, Sampaio Corrêa e Socorrense se enfrentaram no Castelão em São Luís, e a equipe da casa precisou da “ajuda” de uma superstição muito curiosa nessa Copa do Nordeste: a camisa. Isso mesmo. Na primeira etapa, as duas equipes não saíram do zero, apesar das inúmeras tentativas da Bolívia Querida.

Para alguns, poderia ser a camisa, pois o Sampaio Corrêa ainda não venceu no Nordestão com seu padrão principal, com as três cores listradas. Na segunda etapa, a equipe voltou de verde, e deu resultado. Logo com 22 segundos de partida, o Sampaio Corrêa abriu o placar com Válber. Luiz Otávio, de cabeça, aumentou a contagem, e Tiago Orobó descontou para os visitantes.

Agora a equipe maranhense espera uma vitória também na justiça: nesta sexta-feira(13), sai a decisão sobre a perda de 6 pontos por parte da Sampaio, por escalação irregular. O time de São Luís entrou com a liminar, e uma vitória nos tribunais pode dar a liderança do grupo em um tropeço do Sport.

Foto: CearaSC.com



Estudante de Jornalismo na UFPE, fã de esportes, apaixonado por futebol mas também rugby e futebol americano.