Confira cinco lutadoras que ajudaram a construir a história do MMA feminino

Getty Images

A data de 8 de março é considerada o Dia Internacional da Mulher. Por isso, o Torcedores.com relembra neste domingo (8) cinco lutadoras que ajudaram a escrever a história do MMA feminino. Duas dessas lutadoras são brasileiras: Cris Cyborg e Bethe Correia.

Como em tudo no mundo, as mulheres tiveram de brigar, literalmente, por espaço no MMA, mundo machista por excelência. O presidente do UFC, Dana White, por anos repetiu que nunca teria lutadoras no maior evento de MMA do mundo. Hoje, todos sabemos o quanto isso mudou. Tanto é que um dos maiores ícones do UFC e do MMA feminino atualmente é a campeã dos pesos penas da organização, Ronda Rousey. Ela é uma das lutadoras mais conhecidas até mesmo fora do ambiente esportivo. Ronda, por exemplo, também é atriz nas horas vagas.

VEJA TAMBÉM
Relembre cinco lutadores que foram flagrados no antidoping no UFC

Ronda pode ser até uma das principais lutadoras do MMA feminina. Mas está longe de ser a única. Confira cinco lutadoras que foram (e são) fundamentais para o MMA no planeta:



Jornalista, editor do Torcedores.com. Passagens pelos jornais Metro, O Estado de S. Paulo, Jornal da Tarde, Marca Brasil, Agora São Paulo, Diário de S. Paulo e Diário do Grande ABC.